Guta Stresser perde 15kg, e desenvolve uma série

por

Longe da TV desde 2015, quando participou das séries “Amor te amo” e “Mister Brau”, Guta Stresser, a Bebel de “A grande família””, desenvolveu uma série que está em processo de negociação com canais:

– É uma série de televisão chamada ‘A corretora’. É uma ideia minha, mas não vou participar como atriz. É a história de uma corretora médium, que vê o que acontece em imóveis com histórico de crimes, suicídios etc. Basicamente, ela vende casas assombradas. O projeto foi selecionado para uma imersão chamada Escola de Séries, que faz aprimoramento de produções para televisão. Nele, tivemos a consultoria de vários roteiristas, inclusive internacionais. Foi muito rico, saímos com um piloto bem forte.

Recentemente, Guta pôde ser vista no “Álbum da Grande Família”, programa exibido na Globo que reuniu os melhores momentos de cada personagem do seriado:

– As pessoas gostaram muito. O público tem um amor incrível pelo programa. Existem fã-clubes no Instagram e no YouTube. Todo mundo assistiu e comentou. Eu consegui ver também, achei superbacana esse projeto.

A atriz, que recentemente lançou o filme “Ninguém entra, ninguém sai”, chamou atenção ao aparecer mais magra na pré-estreia:

– Emagreci 15 quilos. A questão principal foi saúde mesmo, não tenho nada de gordofóbica. Para mim, cada pessoa tem que ser do seu tamanho e caber no seu corpo. Eu não estava cabendo no meu. Comecei a mudar os hábitos, principalmente os alimentares, e introduzi os exercícios físicos na minha rotina. Consultei uma nutróloga e faço uma dieta bem saudável, com suco verde e comida viva e sem glúten. Me sinto melhor, mais leve e com mais saúde.

Ela conta que se exercita em casa:

– Tive o acompanhamento de uma personal trainer por um período. Ela me ajudou com os exercícios localizados. Hoje, já faço sozinha. Faço tudo em casa, isso mudou completamente a minha relação com malhação. Tinha muita dificuldade para frequentar academia, não sentia que era meu universo.

Guta quer manter o novo estilo de vida:

– A reeducação alimentar altera mesmo o nosso paladar. Quando dá vontade, eu como uma besteira, mas já não sinto o mesmo prazer. Isso fica para o resto da vida. Meu corpo é meu objeto de trabalho. Preciso ter agilidade para sentar, levantar e subir escadas. O excesso de peso atrapalha. E é claro que tem também um ganho estético, não vou ser hipócrita. Voltar para o manequim 36/38 é ótimo.

A atriz comenta que seu marido, o músico André Paixão (foto abaixo), foi influenciado e passou a também seguir uma alimentação saudável:

– Eu sou incentivada pelos hábitos dele e ele, pelos meus. O André é muito disciplinado.

Guta, que está com 44 anos, revela que pensa em ser mãe:

– Fiz tratamento para engravidar, mas acabei não conseguindo. Foi uma fase bem difícil, que acabou contribuindo para o meu ganho de peso. Hoje, penso em adotar. É um caminho lindo. Tenho amigos que adotaram e estão superfelizes, e levaram alegria para a vida dessas crianças. Penso em ser uma mãe avó. Quando estiver bem coroinha, pretendo adotar.

Você também vai curtir