Famosos

“Acho que ele é um queridinho de Deus”, diz Sônia Abrão sobre Rafael Ilha

2set2015--rafael-ilha-posa-com-sonia-abrao-autora-de-sua-biografia-as-pedras-do-meu-caminho-1441243400829_956x500

Tema do livro “Rafael Ilha – As Pedras do Meu Caminho”, o ex-Polegar esteve na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, em São Paulo, nesta quarta-feira (2) para uma noite de autógrafos ao lado da autora do livro, a jornalista e apresentadora Sônia Abrão.

Em entrevista ao Popzone, Sônia afirmou que o momento mais difícil da vida do cantor foi quando ele tentou suicídio, cortando a própria garganta. “Ele teve uma hemorragia muito forte e sobreviveu. Acho que ele é um queridinho de Deus”, disse.

Aos 42 anos, casado e pai de dois filhos, o cantor afirmou estar numa “fase de maturidade muito bacana” e admitiu se arrepender de consumir drogas. “Quando vejo que perdi 13 anos da minha vida me dá arrependimento”, lamentou.

Ilha também comentou sobre o as dificuldades que teve no processo da produção do livro, e disse que chegou a “ter apagões” em algumas sessões de entrevistas com Sônia, principalmente quando lembrou a adolescência, fase em que mais consumiu drogas, segundo ele.

O ex-Polegar afirmou ainda que espere que o livro desmistificar a imagem” que se criou depois de aparecer envolvido em prisões por drogas e porte de armas.

“Não sou bad boy, não sou bandido, sou apenas eu. Tenho o meu jeito. Sou um cara abençoado de poder falar o que penso, porque ninguém paga minhas contas”, afirmou.

Publicidade

Você vai curtir!

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios