San Diego Comic-Con 2015 – Peter Capaldi revelou que há anos já possuía o sonho de protagonizar a série cult britânica

No posto de "Doctor Who" desde o ano passado, o ator Peter Capaldi revelou nesta quinta-feira (9), na San Diego Comic-Con, que há anos já possuía o sonho de protagonizar a série cult britânica.

By
 Peter-Capaldi-Doctor-Who-Time-of-the-Doctor

No posto de “Doctor Who” desde o ano passado, o ator Peter Capaldi revelou nesta quinta-feira (9), na San Diego Comic-Con, que há anos já possuía o sonho de protagonizar a série cult britânica.

“Acho que é a única série que carrego comigo, que eu acompanhei desde que tinha 6 anos”, afirmou. “As pessoas têm uma relação muito próxima com o Doctor Who. Quando fiz o episódio com David Tennant [antigo Doctor], foi fantástico. Pensei: ‘Essa é a única vez que estarei em Doctor Who’. E perguntei: David, onde está a Tardis? Quando vi, fiquei até com os olhos lacrimejando. Então fiquei muito feliz que Steven [Moffat, produtor executivo] resolveu seguir esse caminho”.

Moffat contou que notou logo o diferencial de Capaldi quando ele passou a dar vida ao Doctor. “A diferença dos Doctor é o que vem com os atores. E você tem que sair do meio do caminho e deixá-los. O personagem é o que esses atores brilhantes trazem para ele. Há um choque inicial porque é uma pessoa muito diferente. E você só quer se mesclar ao que ele está fazendo, a essa nova voz”.

Para o ator, o Doctor é um personagem que ainda está se descobrindo. “Ele não sabe quem ele é. Ele passa muito tempo tentando descobrir quem ele é, qual é a sua natureza. Ele é um personagem em crescimento constante. Ele não é um soldado, ele é um bom cara. Ele não é uma figura militar, mas sim um boêmio, filósofo”.

“Ele é fabuloso”, brincou o ator. “É bonito, bem vivaz para sua idade. Nós vivemos em um mundo em que todo mundo é tão acessível, e o Doctor é misterioso. Ele não é só um ‘cara'”.

Filmando a nona temporada da série, que deve estrear em setembro nos Estados Unidos e no Reino Unido, Capaldi já elegeu um dos momentos mais divertidos das gravações e arrancou risos da plateia: “Foi quando jogaram uma aranha gigante de borracha em cima de mim e disseram ‘lute com ela'”.

Em sua primeira Comic-Con, o ator disse que está feliz com o carinho que tem recebido do público. “As pessoas diziam que a série estava fazendo sucesso nos Estados Unidos, mas não achava que seria isso. Acho que o mais incrível foi receber esse carinho acumulado em 50 anos de série. É um ótimo lugar para se estar.”

Doctor mulher?

Na sessão de perguntas do painel, uma menina foi muito aplaudida ao perguntar se haveria a possibilidade de o Doctor ser interpretado, no futuro, por uma mulher. Steven Moffat, então, ressaltou que o importante é encontrar um ator à altura do papel.

“Não há vagas no momento, e não é fácil você encontrar alguém como Capaldi. Mas acho que me expressei bem no contexto da série”, afirmou o roteirista. A atriz Jenna Coleman concordou: “Acho que é inevitável ter uma Doctor, a questão é encontrar a pessoa certa”.