Famosos

Nasce a filha de Kate Middleton e Príncipe William

  • Getty Images

    Nasce a filha de Kate Middleton e Príncipe William

Kate Middleton e Príncipe William comemoraram o nascimento de sua primeira filha, neste sábado (2), no hospital St Mary de Londres – na mesma ala, chamada de Lindo Wing, onde nasceram os irmãos William e Harry, além de George, primogênito dos duques de Cambridge. A expectativa para o nascimento do bebê real foi aguardada com entusiasmo pelos fãs, que levaram bandeiras e faixas da Inglaterra enquanto esperavam pelo anúncio na porta do centro médico.

O segundo filho de Kate e William ocupará o quarto lugar na linha de sucessão ao trono britânico – atrás do avô Charles, do pai William e do irmão George, e à frente do tio Harry. Há poucas chances de que o novo herdeiro assuma o trono, mas é possível. A última pessoa em quarto lugar a se tornar rei foi George 6º, pai da Rainha Elizabeth 2ª. Ele chegou ao trono após seu irmão mais velho, Edward 8º, ter abdicado.

Na semana passada, William aproveitou a licença paternidade para comprar roupas da cor azul em Londres. Ele estava acompanhado de dois seguranças e um assistente que o ajudaram a escolher as peças. 

A gestação de Kate foi marcada por complicações. Seguindo recomendações médicas, ela precisou cancelar uma viagem oficial a Malta em setembro do ano passado porque estava sofrendo de hiperêmese gravídica, o que prova vômitos e fortes enjoos.

Em janeiro deste ano, Kate contou para um grupo de adolescentes na capital inglesa sobre a gravidez. "Ele está mexendo o tempo todo. Estou sentindo-o chutar agora", disse na ocasião.

A segunda gravidez da duquesa de Cambridge foi anunciada pela família real no dia 8 de setembro.  "Suas Altezas Reais, o Duque e a Duquesa de Cambridge, estão muito felizes em anunciar que a Duquesa de Cambrigde está esperando seu segundo filho", dizia o comunicado oficial.

O príncipe George Alexander Louis nasceu no dia 22 de julho de 2013 em meio a uma grande expectativa e após um interminável cerco midiático de mais de três semanas. Desde meados de junho, as emissoras de televisão do mundo inteiro haviam instalados tripés e câmeras em frente à porta de entrada da ala Lindo, à espera da chegada do possível futuro rei. Para evitar um alvoroço similar, o palácio de Kengsington ordenou a instalação de várias grades nos arredores da clínica. Também proibiu o estacionamento de veículos nas proximidades até 30 de abril em razão deste "acontecimento especial", segundo os painéis luminosos.

Licença paternidade
 
O príncipe William iniciou mais cedo sua licença paternidade como piloto de helicóptero-ambulância às vésperas do nascimento de seu segundo filho. 
 
Um porta-voz do palácio de Kensington, a residência oficial de William e Kate, informou: "O Duque de Cambridge completou a primeira parte de seu treinamento como piloto de helicóptero ambulância mais cedo do que o esperado. Isso aconteceu devido a uma combinação entre o Duque ter tido um bom desempenho em vários módulos e as boas condições meteorológicas que permitiram que o treinamento progredisse mais rápido do que o planejado".
 
Caso ainda estivesse em treinamento quando Kate entrasse em trabalho de parto, William teria de pegar duas horas de estrada para chegar a Londres. Ele deverá voltar a suas funções na próxima rodada de treinamento, em 1º de junho, após alguns compromissos oficiais em maio.
 
Publicidade

Você vai curtir!

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios