Notícias

Milton Gonçalves tem seu velório aberto ao público

O velório do ator Milton Gonçalves acontecerá no Theatro Municipal do Rio, no Centro da cidade, a partir das 9h30 desta terça-feira. A despedida será aberta ao público. Após o velório, às 13h, o corpo do ator será levado para o Cemitério São Francisco Xavier, no Caju, onde será cremado.

Milton Gonçalves morreu nesta segunda-feira, em sua casa, no Rio. O ator tinha 88 anos. De acordo com a família, a morte foi consequência de problemas de saúde que ele enfrentava desde que sofreu um AVC, em 2020. Na ocasião, o artista ficou três meses internado e precisou da ajuda de aparelhos para respirar.

Um dos grandes ícone das televisão brasileira, Milton teve um acidente vascular cerebral em fevereiro de 2020, durante uma feijoada na quadra do Salgueiro. O ator ficou internado por três meses no Hospital Samaritano, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, e chegou a precisar da ajuda de aparelhos para respirar. A última vez em que ele esteve na TV Globo foi com a minissérie “Se eu Fechar os Olhos Agora”, de 2019.

Nascido em 9 de dezembro de 1933, no interior de Minas Gerais, Milton Gonçalves ficou conhecido por sua longa carreira em produções da TV Globo, desde quando chegou na emissora carioca, em 1965, como parte do primeiro elenco de atores do canal. Desde então, o artista esteve em novelas marcantes como “O Bem Amado” (1973), “Sinhá Moça” (1986) e “O Rei do Gado” (1996). Sua última novela foi “O Tempo Não Para”, de 2018, e, atualmente, ele pode ser visto em “A Favorita”, no Vale a Pena Ver de Novo.

Publicidade

Você vai curtir!

Botão Voltar ao topo