Famosos

Suplicy diz que “teria ficado muito triste” se Angelina Jolie o deixasse

  • Edson Lopes Jr./Popzone
    Suplicy diz que "teria ficado muito triste" se Angelina Jolie o deixasse
    O ex-senador Eduardo Suplicy comenta fim de casamento de Angelina Jolie e Brad Pitt no Facebook

     

O ex-senador Eduardo Suplicy lamentou o fim do casamento de Angelina Jolie e Brad Pitt e contou como ficaria se estivesse no lugar do ator.

“Uma das mais lindas, progressistas e corajosas atrizes, Angelina Jolie separou-se do excelente ator Brad Pitt. Puxa vida. Eu teria ficado muito triste se ela tivesse me deixado”, escreveu ele em seu Facebook.

Vários internautas comentaram na postagem dele relembrando e brincando com o fim do casamento dele com Marta Suplicy, em 2001, após 36 anos juntos.

“Mas como quem te deixou foi a Marta, vc ficou feliz né… Quem não ficaria…”, escreveu Mayara Alves.

“Gostei de ver… Bom Gosto hein Suplicy??? Ainda dá tempo, meu caro, corre atrás deste sonho… Ela tem bom gosto também, e quem sabe? Como dizemos aqui no Amazonas, você ainda dá uma caldeirada esperta visse?”, disse a internauta Maria das Graças Angelo Mafra.

Após mais de dez anos, chegou ao fim a união de Brad Pitt e Angelina Jolie. A atriz foi quem pediu o divórcio, de acordo com um de seus advogados.

“Essa decisão foi tomada pelo bem-estar da família. Ela não irá comentar, e pede que a família tenha privacidade neste momento”, disse o advogado Robert Offer à agência Reuters.

De acordo com o site TMZ, o motivo foi uma divergência em relação aos seis filhos do casal — Maddox, 15, Pax, 12, Zahara, 11, Shiloh, 10, e os gêmeos Knox Leon e Vivienne Marcheline, 8. A publicação citou uma fonte próxima ao casal que informou que Jolie estava “extremamente chateada” com a forma como Pitt cuidava dos filhos.

Outra fonte ouvida pelo TMZ afirmou que Jolie sentia que Pitt podia representar um risco às crianças, por abusar da maconha e do álcool e ter problemas para lidar com a raiva.

A atriz deu entrada no pedido de divórcio na última segunda-feira (19), alegando “diferenças irreconciliáveis”. Ela está pedindo à Justiça para ficar com a custódia física dos filhos. Caso o juiz acate o pedido, as crianças irão morar com a atriz, mas Pitt ainda terá direito de visitá-las e de participar das decisões referentes a elas.

Você vai curtir!

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Desabilite o Bloqueador de anúncios para o PopZoneTV, os anúncios permitem que nosso conteúdo permaneça gratuito.