Joey Jordison diz que foi demitido do Slipknot por e-mail

de

Ex-baterista da banda explicou sobre problema de saúde que o impediu de continuar no grupo

Slipknot

Recentemente, Joey Jordison, ex-baterista do Slipknot, revelou o verdadeiro motivo de sua saída da banda. Ele contou que sofreu de uma doença neurológica que o fez perder os movimentos das pernas, deixando-o impossibilitado de tocar bateria.

Capa da revista Metal Hammer, o músico contou que foi demitido através de um e-mail enviado pelo grupo. “Houve uma reunião? Não. Alguma coisa da equipe? Não, nada. Tudo o que eu recebi foi um e-mail me dizendo que eu estava fora da banda que eu ralei a vida toda para criar”, disse.

“Isso foi exatamente o que aconteceu e foi doloroso. Não merecia isso depois de tudo o que eu fiz e pelo que passei”, declarou. “Eles ficaram confusos com a questão da minha saúde e óbvio nem mesmo eu sabia o que eu tinha. Eles acharam que eu estava abusando de drogas, mas eu não estava”, explicou.

“Eu passei por tantas coisas com esses caras. Eu os amo muito. O que é mais doloroso foi a forma como tudo aconteceu, não foi correta. Isso é tudo o que eu quero dizer. A forma que eles fizeram isso foi bem covarde”, afirmou.

No entanto, Jordison declarou que se houver uma oportunidade se reuniria com a banda. “Sinceramente, não estou querendo ser dramático, mas se houvesse essa chance, o que eu mais queria é estarmos juntos. Quero vê-los, abraçá-los, e sentir aquela energia que tínhamos quando éramos jovens e famintos por tudo aquilo. Eles são meus irmãos. Nos abraçaríamos, conversaríamos e faríamos tudo que costumávamos fazer. Ficávamos acordados a noite toda planejando coisas que queríamos fazer. É assim que eu gostaria. Mas teria que ser pessoalmente. Se acontecesse seria incrível, mas só o tempo dirá”, concluiu.

Veja letras, traduções e muito mais do Slipknot no Popzone!

Fonte: Popzone

Você vai curtir