Suspense sobrenatural com Kristen Stewart é vaiado no Festival de Cannes

Pobre Kristen Stewart. Depois de abrir o Festival de Cannes 2016 com o fraquinho “Café Society”, de Woody Allen, seu filme na disputa pela Palma de Ouro, o suspense sobrenatural “Personal Shopper”, foi vaiado na sessão de imprensa nesta segunda (16).

por

cwwPobre Kristen Stewart. Depois de abrir o Festival de Cannes 2016 com o fraquinho “Café Society”, de Woody Allen, seu filme na disputa pela Palma de Ouro, o suspense sobrenatural “Personal Shopper”, foi vaiado na sessão de imprensa nesta segunda (16).

Dirigido pelo francês Olivier Assayas (“Acima das Nuvens”, “Horas de Verão”), o filme acompanha a história de Maureen (Kristen Stewart), a personal shopper do título, que vive em Paris e cuida do figurino de uma grande celebridade, Kyra. Seu irmão gêmeo morreu há três meses, e ela acredita que pode fazer contato espiritual com ele.

ATENÇÃO: O TEXTO A SEGUIR CONTÉM SPOILERS

O tal fantasma vai se manifestando aos poucos, na forma de um ectoplasma não muito longe daquele que forma o saudoso Geleia de “Os Caça-Fantasmas”. Num dado momento, o fantasma em fúria vomita sobre ela.

Num festival em que produtores e jornalistas só saem do Whatsapp na hora de ver o filme, também foi difícil seguir por mais de uma hora Maureen trocando mensagens sem parar no celular com alguém que no começo ela acredita ser o irmão morto. Claro que não: tudo conduz ao assassinato da tal celebridade, e o culpado (surpresa!) será o único homem suspeito que apareceu no começo da história.

O suspense tem uma curta cena de nudez de Kristen com os seios à mostra, uma cena rápida em que ela se masturba –tudo para tentar dar impacto, mas nada que ajude em um longa que já é forte candidato a pior do ano, ao menos em Cannes.

Com a vaia e a má repercussão, “Personal Shopper” pode seguir o caminho de “The Sea of Trees”, filme de Gus Van Sant com Matthew MacConaughey e Naomi Watts vaiado na competição do ano passado, que até hoje não estreou no Brasil.

Você também vai curtir