Susana Vieira cutuca paulistas e dispensa modéstia em homenagem da Globo

Francisco Cepeda/AgNewsSusana Vieira posa com o troféu Mario Lago, homenagem que recebeu no "Domingão do Faustão"

By
  • Francisco Cepeda/AgNews

    Susana Vieira cutuca paulistas e dispensa modéstia em homenagem da GloboSusana Vieira posa com o troféu Mario Lago, homenagem que recebeu no “Domingão do Faustão”

Susana Vieira recebeu no “Domingão do Faustão” o 15° Troféu Mário Lago. A atriz foi homenageada no programa da Globo gravado neste sábado (5) e que vai ao ar no dia 27. Emocionada, a atriz dispensou a modéstia e se disse merecedora do prêmio. Paulistana, Susana cutucou São Paulo, onde, segundo ela, é conhecida por ser “boca suja”.

“Quem merece ganha esse troféu. Por isso não pode ser invejado, sabe por quê? Façam por merecer. Não estou sendo arrogante. Eu me sinto muito orgulhosa de ter sido destacada, mas não tenho muita modéstia de dizer que minha vida toda foi aqui dentro. Não precisa ter inveja, não, é só trabalhar”, disse Susana aos jornalistas.

No programa, a atriz começou a falar sobre 2015, com muitas críticas ao governo e à presidente Dilma Rousseff. Na sequência, Faustão anunciou que ela era a homenageada do Troféu Mário Lago. Susana ficou sem reação e só conseguiu agradecer ao apresentador e à plateia, que a aplaudiu de pé.

Ao ouvir de Faustão que Susana tinha 45 anos de Globo, ela brincou com a própria idade: “Obrigada, tenho 37, amor, segundo o comercial que fiz”.

Em outro momento, o apresentador lembrou que Susana nasceu em São Paulo, porém foi repreendido pela atriz. “Sou carioca que nasci em São Paulo, amor, desculpa. Em São Paulo, eles acham que eu sou boca suja, que não tenho nada a ver com São Paulo. Não tenho mesmo aquela caretice de São Paulo. Eu amo vocês, mas sou uma carioca entre vocês e quem me aceita são vocês”, criticou.

Homenagens

O “Domingão” reconstituiu um dos primeiros trabalhos de Susana na TV, como dançarina em um programa da extinta Tupi. Depois, exibiu depoimentos de colegas. O primeiro foi Boni, ex-superintendente de operações da Globo. “Meu caso com Susana é de amor à primeira vista”, disse o executivo, relembrando o convite feito para a atriz estrelar “Pigmalião 70”, primeira novela dela na Globo.

Susana assistiu a depoimentos dos novelistas Walcyr Carrasco, Manoel Carlos e Aguinaldo Silva, que afirmou que a atriz “deveria ser eterna”. Amora Mautner, Wolf Maya e Jorge Fernando também prestaram homenagem em vídeo.

O programa também foi atrás de fãs de Susana em outros países, como Itália, Angola, Rússia e Estados Unidos. Um norte-americano disse que a atriz é “muito linda e muito gostosa”, e Faustão brincou: “Susana vai se mudar para a Flórida”.

Em seguida, Susana ouviu depoimentos de seus filhos na TV: Mateus Solano, Juliano Cazarré, Paolla Oliveira e Carolina Dieckmann, que, para Susana, é sua “filha escrita”, pela semelhança entre as duas.

Atores veteranos como Tony Ramos, Francisco Cuoco, Nathália Timberg, Glória Pires, Antonio Fagundes e Cássia Kis homenagearam a colega em vídeo. Faustão reprisou uma declaração de José Wilker, morto em 2014, a Susana Vieira. “Meu melhor marido”, disse a atriz, emocionada.

Por fim, recebeu de William Bonner, premiado de 2014 e recuperado de cirurgia na vesícula, o Troféu Mário Lago. Novamente aplaudida, Susana agradeceu a Faustão, o público e as bailarinas “gostosinhas e fofinhas”. Também agradeceu aos músicos, mas depois percebeu que não havia mais banda no “Domingão”.

You may also like