Música

Ex-vocalista do Stone Temple Pilots e Velvet Revolver, Scott Weiland é encontrado morto

Divulgação
Scott Weiland

O vocalista Scott Weiland, que fez parte dos Stone Temple Pilots e do Velvet Revolver, foi encontrado morto em seu ônibus de turnê em Bloomington no estado de Minnesota nos EUA. O cantor tinha 48 anos e a causa da morte não foi divulgada. O anúncio foi feito através da página oficial artista no Facebook.

Weiland chegou ao sucesso no início dos anos 90, quando o STP se tornou uma das mais bem sucedidas bandas do período. O grupo veio da chamada segunda geração do grunge – os grupos que chegaram ao mainstream depois da ascensão de grupos como Nirvana, Pearl Jam, Alice In Chains e Soundgarden.

O auge do quarteto se deu com seus dois primeiros discos. “Core” de 1992 vendeu 8 milhões de cópias nos EUA e “Purple” (1994) chegou nas 6 milhões.

O maior problema para o grupo sempre foi o comportamento errático de Weiland, cujos problemas com drogas pesadas sempre foram notórios e amplamente divulgados. Isso fez com que em diversas ocasiões ele tenha sido demitido do grupo.

O STP anunciou sua dissolução em 2002. Weiland então uniu-se ao Velvet Revolver, um supergrupo que tinha vários ex-integrantes do Guns N’ Roses em sua formação e seus problemas com drogas acabaram também por causa sua demissão da banda. Ele se reuniram em 2010, e gravaram um álbum, mas em 2013 ele foi novamente demitido.

Weliand lançou quatro discos solo. O mais recente deles – “Blaster” creditado a “Scott Weiland & The Wildabouts” – saiu em março deste ano e era o álbum que ele estava divulgando quando foi encontrado morto.

Ouça “Plush“, um dos grandes hits dos Stone Temple Pilots

Publicidade

Você vai curtir!

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios