Cancelado, filme do diretor de Mad Max para Liga da Justiça pode virar doc

  • Reprodução

    Cancelado, filme do diretor de Mad Max para Liga da Justiça pode virar doc

    Os personagens da Liga da Justiça, cujo filme abortado pode virar documentário

A história de "Justice League: Mortal", filme abortado do diretor George Miller ("Mad Max: Estrada da Fúria"), que levaria às telas os personagens da Liga da Justiça, deve virar um documentário dirigido pelo novato Ryan Unicomb.

Em entrevista ao site "Inside Film", o diretor revelou a intenção e alguns detalhes do projeto, que já tem produtores (Aaron Cater e Steven Caldwell) e investidores em vista. Fatal apenas o sinal verde de Miller.

A ideia do cineasta é conta a história dos bastidores do longa, que culminaram no cancelamento, mostrando artes e figurinos que nunca vieram à luz. Um deleite para os fãs de cinema e histórias em quadrinhos.

George Miller assinou o contrato para dirigir o longa em 2007, mas abandonou o projeto no ano seguinte, em meio à greve dos roteiristas de Hollywood e o sucesso de "Batman: O Cavaleiro das Trevas", que fez a Warner mudar os planos e restringir o orçamento.

O filme, que não chegou a ser rodado, já tinha roteiro e elenco, que incluia Adam Brody como The Flash, D.J. Cotrona como Superman, Armie Hammer como Batman e Megan Gale como Mulher Maravilha.

Os personagens da DC Comics, no entanto, voltarão aos cinemas em 2017, em um novo longa dirigido por Zack Snyder. No ano passado, a Warner anunciou os planos de inserir o grupo no universo iniciado em "O Homem de Aço" (2013), no qual o Superman é interpretado pelo ator Henry Cavill.

Reprodução

Cancelado, filme do diretor de Mad Max para Liga da Justiça pode virar doc

George Miller (à direita) e o elenco de "Justice League: Mortal", abortado pela Warner

Cancelado, filme do diretor de Mad Max para Liga da Justiça pode virar doc

Publicidade

Você vai curtir!

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios