FamososMulheresTeatro

Saudades de Lúcia Veríssimo

A atriz, um dos grandes símbolos sexuais dos anos 80, reapareceu discretamente essa semana, ao comparecer ao velório do ex-marido Marcos Paulo. Lúcia Veríssimo, 54 anos, é um ícone.

Foi uma das mulheres mais desejadas do Brasil, emplacou uma novela na outra na Globo, como Champagne (83), Roda de Fogo (86), Mandala (88), O Salvador da Pátria (89), Araponga (90)… Mas depois foi ficando mais discreta, longe dos holofotes. O que me parece ser uma decisão de Lúcia.

Em 2010 assisti duas vezes a peça Usufruto, escrita por ela. Texto afiado, interpretação exata, Lúcia estava muito a vontade no palco. Onde apareceu, numa cena discreta, quase nua. Nudez nunca foi um assunto tabu para Lúcia, que posou duas vezes pra Playboy nos 80 e também fez cenas ousadas no cinema.

O importante pra ela é que o nu tenha contexto. Longe das novelas desde Amor E Revolução, que passou no SBT ano passado, Lúcia faz falta. Tem um estilo próprio de interpretar, que ocupa toda tela e faz com quem você olhe pro vídeo. Ainda bem que, pros nostálgicos como eu, o seriado Delegacia de Mulheres, de 1990, está em reprise no Canal Viva, com Lúcia no elenco. Saudades Lúcia Veríssimo!

Publicidade

Você vai curtir!

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios