Filho de Wagner Montes, Diego Montez teve medo de homofobia por personagem gay

por


O ator Diego Montez, filho de Wagner Montes, falou sobre seu personagem William, de ‘Bom Sucesso’, em entrevista à Patrícia Kogut, do jornal O Globo, nesta quinta-feira (12). O funcionário da Prado Monteiro faria apenas alguns capítulos, mas os autores decidiram mudar o rumo por conta da aceitação do público.

“Já fiz muitos personagens gays e até drag queen, mas tudo no teatro, que é um ambiente mais restrito e aonde as pessoas geralmente vão sabendo o que querem ver. O alcance da TV é bem maior. As reações, no entanto, têm sido muito positivas. Pode não parecer, mas sou extremamente tímido. E não consigo mais sair na rua sem que alguém venha me abordar e falar sobre o William. São pessoas de todas as idades”, disse ele.

Na história, William faz par romântico com Pablo Sanches (Rafael Infante), um ator que esconde sua sexualidade para manter a fama de galã. Montez explicou que não pôde contar da possível morte nem para sua mãe.
“Os capítulos foram passando e o personagem continuou vivo. Achei estranho, mas fiquei quietinho na minha, como se nada estivesse acontecendo. Até que chegou um dia em que me avisaram que os planos mudaram e ele continuaria vivo. O William é muito mais do que um alívio cômico, ele também passa uma mensagem importante de quebra de rótulos”, falou.

Você também vai curtir