TOPO

Confira algumas curiosidades que você provavelmente não sabia sobre Gabriel Diniz

por Redação / Publicado em terça-feira, 28 maio 2019 13:01 PM / / 121 views

José Gabriel de Souza Diniz nasceu em Campo Grande (MS), em 18 de outubro de 1990, mas mudou-se para João Pessoa (PB) na adolescência. No ano passado, foi homenageado com o título de cidadão paraibano.

No início da carreira, mudou-se para Recife (PE), para cantar no grupo Capim com Mel.

Antes de ter sua própria banda, passou também por Forró na Farra e Cavaleiros do Forró.

Quando decidiu seguir a carreira de cantor, Gabriel abandonou a faculdade de engenharia elétrica.

. Os fãs o apelidaram de GD. E, em entrevistas, Gabriel às vezes se referia a ele mesmo como “o GD”, na terceira pessoa.

Gabriel disse que a escolha de Maiara & Maraisa, Léo Santana, Luiza & Maurílio e Wesley Safadão para as participações especiais de seu CD e DVD “GD na Ilha”, gravado em Fernando de Noronha, “se deu por conta da amizade mesmo”.

Ele dizia que se inspirava em Michael Jackson e Bruno Mars, mas principalmente no pernambucano Luiz Gonzaga (1912-1989), conhecido como o Rei do Baião e compositor de “Asa Branca”. “Foi ele quem deu início a este estilo de forró. Transformou nossa cultura e me influenciou bastante.”

“Jenifer”, o maior sucesso de Gabriel, é de autoria do grupo de compositores Big Jhows, baseado em Goiânia, e foi escrita originalmente para Gusttavo Lima.

. “Quando [o grupo Big Jhows] me mostrou [a ‘Jenifer’], eu fiquei apaixonado pela música. ‘A música é massa, e é diferente, é o meu estilo…'”, contou Gabriel em entrevista. “Eu sabia que a música ia ser legal, que ia ser bacana cantar, mas não sabia que ia ser o hit que foi.”

De acordo com Gabriel, Gusttavo Lima não ficou bravo por ter perdido a ‘Jenifer’ para ele.

Gabriel recebeu em fevereiro o certificado de Single de Diamante por “Jenifer” depois que a música-chiclete atingiu a marca de 160 milhões de streams.

Ele disse que “Jenifer” estourou primeiro no Nordeste. “As pessoas foram picadas pelo vírus da ‘Jenifer’ lá e difundiu no Brasil inteiro.”

Gabriel estava noivo de Karoline Calheiros.

No momento da queda do avião nesta segunda (27), ele viajava para comemorar o aniversário da noiva.

Em fevereiro deste ano, Gabriel estrelou uma campanha do Ministério da Saúde para estimular o uso de camisinhas.

“Não importa se o nome é Jenifer, João, Jéssica ou Jorge, se é no Carnaval ou em que qualquer outro lugar, tem que usar camisinha”, dizia ele na peça publicitária:

Em seu canal no YouTube, o clipe de “Jenifer” tem mais de 232 milhões de visualizações.

Em seguida, seus vídeos mais populares são “Acabou Acabou” (66 milhões de views), com participação de Wesley Safadão, e “Paraquedas” (19 milhões de views), com participação de Jorge e Mateus.

Em 2015, Gabriel gravou a música “Amor de Copo” com o sertanejo Cristiano Araújo, que acabou morrendo em um acidente de carro naquele mesmo ano.

Em uma entrevista, Gabriel disse que pensava em começar a atuar também.

Mas ele afirmou, que por sua personalidade, se daria melhor num programa de humor, e não numa novela. “Quem faz humor tem um pouco de ator dentro de si”, disse.

O pai do cantor, Francisco Diniz, disse que o velório de Gabriel será em João Pessoa e aberto ao público.

 

|