TOPO

MC Caveirinha: O Funk faz geral perder a linha” na Tradição

por Redação / Publicado em quarta-feira, 20 jun 2018 14:01 PM / / 110 views


O funk é realmente o ritmo nacional e que agita os finais de semana do brasileiro, em especial do carioca.

Todos cantam e dançam o funk, do sertanejo ao forró, do rap a MPB. No samba e pagode? Sempre aquele espaço num dos sets da batucada, para um pouquinho de funk. É realmente uma unanimidade nacional.

Nesta sexta-feira, dia 22, a Tradição vai receber diversos MCs e DJs para o Baile Do Caverinha, “ O Funk Faz Geral Perder A Linha.

João Paulo dos Santos de Oliveira. O CAVERINHA, aos 14 anos começou montando sons de festa e sentiu algo pulsando dentro de si, uma vocação. Com 15 anos já tocava em eventos de Santa Margarida, um sub bairro de Campo Grande, zona oeste carioca. Sua performance já chamava atenção dos mais badalados Djs do cenário, por mostrar batidas diferentes, inovadoras.

Não demorou muito virou DJ de um dos grandes nomes da época, MC Magrinho. Não só produziu como é dele os hits de sucesso como : “Empurra Lá Na Treta” , “Vai Mamar o Bonde” , “Pumba lá Pumba” e “Senta Ne Mim”, ficando conhecido como DJ CAVERINHA.
Não demorou para que os maiores MCs e DJs da época buscarem parcerias, a atual Ludmilla, que antigamente era a MC Beyoce, teve seu último hit com antigo nome, graças ao Caverinha, ”Fiu Fiu”. O MC Biel foi na verdade descoberta do “Cav”, como chamam os amigos, que produziu os 2 primeiros sucessos de Biel, os hits ”Pimenta “e “Tô Tirando”. Então vieram as primeiras produções dos sucessos do MC Delano. O MC Duduzinho ficou nacionalmente conhecido com o funk, “Tô Pro Crime” e “Amar Direito”.

Ainda como DJ, Caverinha recebe a proposta para ser o DJ do Nego do Borel, emplacando logo um hit: ” Olha Pro DJ”, os levando a diversos programas de TV: Encontro, Programa do Ratinho, The Noite, Agora é tarde, Legendários e Domingo legal! Produziu o primeiro DVD de sucesso do Nego numa das casas de shows mais prestigiadas do Rio de Janeiro (I9 Music ), onde sua carreira não só como DJ mas como produtor e compositor tomou uma amplitude nacional.

Aceitou produzir o amigo Maneirinho, no estouro nacional, “Chefe é Chefe”, porta de sucesso do MC, que chegou a fechar as portas do Barra Music, maior casa de shows do país, fechada em dezembro de 2017.

Em novembro passado, aceita ser lançado como MC. Entre shows como MC e ainda cumprindo contratos antigos como DJ, seu primeiro podcast nacional será um passeio em sua história, com músicas citadas a cima, além de surpresas que farão o funk ter novidades: “Eu estou há 10 anos no funk, com ele mudei minha vida, de familiares e de muitos artistas que hoje tem reconhecimento nacional. Sou grato a Deus por isso. Somos provas que o funk é muito mais do que muitos pensam, pra uns sobrevivência, pra outros apenas diversão ou fanfarrice, mas para “outros”, modo de vida e atitude”. Declara Caverinha

MC Pocahontas, de 22 anos, tornou-se conhecida no meio do funk após lançar o clipe da música “Mulher do Poder”. Em seu show, Pocahontas faz o estilo funk ostentação e apresenta outros hits de sucesso como as faixas “Chamando seu Nome”, “Casa dos Machos” e “Mulher do Cara”. Poka, Dani Russo e Naiara Azevedo protagonizam a mais recente união feminina na música nacional, o trio gravou junto a música “Oh Quem Voltou” e lançou o fevereiro deste ano, o vídeo já foi reproduzido por mais de 7 milhões de vezes no Youtube. “Oh quem voltou pra sacanagem!”. A faixa mistura funk e arrocha.

MC Maneirinho, conhecido pelo sucesso “Chefe é Chefe, Né Pai” é um dos mais queridos do segmento. Ele promete muita animação com os hits, “Pique Alemanha”, “Quem Me Viu, Mentiu” e “Que Saudade da Minha Ex”.

MC Tikão chega com “A missão Foi Cumprida” e “Tô Planejando Ficar Rico Esse Ano”.

Os Havaianos, que estão de volta nas pistas de todo o país com o hit, “Encosta A Bunda No Calcanhar”, entre sucessos como “Romance É Romance”, que serão lembrados nesta festança.

Entre as muitas atrações está também o MC Roger, que vem fazendo as pistas de dança do país inflamarem com a versão de “Ana Júlia”, dos Los Hermanos, “Tudo Vai Acabar Em Alegria Na Penha”.

Menores de idade não entram, os ingressos são promocionais no valor de meia para todos. Vendas no local. É obrigatória a apresentação da identidade original. As portas abrem às 22 horas.

SERVIÇO:

BAILE DO CAVERINHA – O FUNK FAZ GERAL PERDER A LINHA

Local: – Tradição Show (intendente Magalhães, 160 – Campinho)
Data: – Sexta-Feira/22 – A partir das 22 horas
Atrações: Shows Com Os Mcs:
Caverinha
Maneirinho
Pocahontas
Tikão
Roger
Nandinho
Os Havaianos

Valores:​ – Ingressos promocionais de Meia para todos.
Pista: – Unissex – R$ 10,00
​Jirau: – Unissex – R$ 20,00
Pista Premium: – Unissex – R$ 30,00
Camarotes Superiores (10 pessoas): – R$ 300,00
Camarotes Pista (10 pessoas): – R$ 200,00

Faixa Etária: – 18ANOS
Informações: – 21 2143-0902

|

Comentários no Facebook