TOPO

O Outro Lado do Paraíso – Emoção domina casamento de Bruno e Raquel. Veja as fotos!

por Redação / Publicado em sexta-feira, 04 maio 2018 11:05 AM / / 201 views

Muitos foram os motivos que separaram Raquel (Erika Januza) e Bruno (Caio Paduan). O preconceito de Nádia (Eliane Jardini) foi o que mais pesou na relação, provocando a separação precoce dos dois. A mãe de Bruno nunca aceitou o relacionamento do filho com a antiga empregada doméstica, mulher negra e de origem humilde, e fez de tudo para separar o casal. Durante o tempo que passaram afastados, Bruno e Raquel seguiram caminhos distintos, mas o amor falou mais alto quando a juíza e o delegado se reencontraram e força do amor de #Bruquel parece ter superado os obstáculos.

Hoje Nádia se arrepende de todo mal que fez a Raquel e celebra a união dos noivos, assim como a Grande Mãe (Zezé Motta), que se alegra também com a presença do povo do quilombo num dia tão especial para a juíza. A dona do salão de beleza está orgulhosa por ter presenteado a nora com o vestido de casamento: “Vocês vão adorar o vestido da noiva. Fui eu que escolhi”, comenta com os convidados. Raquel entra no salão com um vestido tradicional branco. Os cabelos, presos num coque alto, foram enfeitados com uma flor de tecido. Já o buquê de botões de capim dourado foi especialmente confeccionado para a ocasião pelas artesãs do Quilombo de Mumbuca, em Mateiros, no Jalapão. A beleza da noiva encanta os convidados.

“Que Raquel e Bruno vivam felizes, em harmonia. Que o amor una sua família e que seja uma família bem constituída”, declara o juiz. Depois do “sim” de ambos, Bruno tenta beijar Raquel, mas sua mãe interrompe o momento, pedindo para dizer algumas palavras. O noivo a repreende, mas ela continua e discursa: “Quero que todos me ouçam. Eu dizia que não era racista. Mas era racista sim. A Raquel há muitos anos foi trabalhar na minha casa como doméstica. Meu filho se apaixonou por ela, e eu separei os dois porque ela é negra. Mais tarde ela retornou à cidade, como juíza. Em vez de admirá-la, eu tratei de fazer tudo para que eles não se aproximassem, mesmo se amando.”

Raquel e Bruno concordam com as palavras de Nádia e ela prossegue com o discurso. A mãe do noivo assume que perturbou muito a vida dos dois, mesmo sabendo que suas maldades custariam a felicidade do filho. E explica a razão de sua redenção. “Deus me enviou um ensinamento. Meu neto, Marquinhos, que é afrodescendente. Muita gente duvida, mas ele é realmente meu neto. Tanto do meu lado como do meu marido, temos ascendentes negros. Eu amo esse menino. Eu descobri que não importa a raça de uma pessoa, não importa a cor da pele. Importa o amor. Raquel, Bruno, eu quero fazer um pedido a vocês. Me deem muitos, muitos netos!”, pede. Gustavo (Luis Melo) apoia a atitude da mulher. “Eu amarei a todos. Serei a avó mais feliz do mundo”, conclui Nádia, emocionada.

Na hora de jogar o buquê, Clara (Bianca Bin) é a felizarda. “É meu”, festeja. Raquel eufórica anuncia que, pela tradição, a amiga deve ser a próxima a casar. A neta de Josafá (Lima Duarte) solta então um “Quem sabe…”, deixando a dúvida pairar no ar.

A cena está prevista para ir ao ar na sexta, dia 4.

 

|

Comentários no Facebook