Funcionárias da TV Globo organizam protesto anti-opressão

por


No Dia Internacional da Mulher, comemorado nesta quinta-feira (8), diversas funcionárias da TV Globo de departamentos artísticos, jornalísticos e administrativos decidiram unir forças e fazer um ato anti-opressão.

Segundo o colunista Ricardo Feltrin, as profissionais se organizaram por meio das redes sociais e pediram para que todas compareçam ao trabalho com uma camisa ou blusa preta em forma de manifestação.

“As mulheres da Globo estão agitando uma ação. Como nem todas têm a camiseta ‘Mexeu com Uma, Mexeu Com todas’, para a gente se agitar e também protestar contra as diversas pequenas opressões que sofremos dia a dia, estamos combinando de vir de blusa preta neste 8 de março. Se vocês puderem também seria ótimo para engrossarmos esse caldo”, dizia o texto divulgado por meio de um aplicativo de mensagens.

As protestantes, porém, deixaram claro que o ato não é contra a emissora carioca, mas sim uma mobilização pela igualdade e empoderamento da mulher.

A campanha “Mexeu Com Uma, Mexeu Com Todas”, para quem não sabe, foi lançada no ano passado, após José Mayer ser denunciado por assédio sexual contra um figurinista do canal.

Você também vai curtir