TOPO

Irmão de Harvey Weinstein pagou R$2 milhões para calar vítimas do produtor

por Redação / Publicado em quarta-feira, 22 nov 2017 09:32 AM / / 830 views

Nesta terça-feira (21), a revista The New Yorker publicou uma longa matéria na qual trata com detalhes sobre os casos de assédio envolvendo Harvey Weinstein.

Em um trecho, o texto fala sobre o envolvimento do irmão do produtor, Bob Weinstein, nos casos. Segundo fontes da revista, em 1998, Bob teria retirado 250 mil libras de sua conta pessoal para pagar acordos de confidencialidade com duas vítimas de Harvey.

Corrigido com juros, atualmente, o valor seria equivalente a algo em torno de 2 milhões de reais.

Quando o caso aconteceu, Bob e Harvey eram donos da Miramax, que era filiada à Disney Company, chefiada por Michael Eisner.

Uma das mulheres que conversou com a New Yorker e que teria recebido o valor de Bob, Zelda Perkins, contou que na ocasião, ele disse que seria inútil denunciar os casos envolvendo irmão para a Disney.

Até mesmo os advogados da ex-assistente de Harvey a orientaram a não fazer a denuncia: “Eles simplesmente disseram: ‘De jeito nenhum. A Disney vai te esmagar. A Miramax também…Eles vão fazer tudo que puderem para te silenciar’”, disse.

|

Comentários no Facebook