Vencedora do ‘MasterChef’ é acusada de plagiar receita de chef famosa na final

por


Michele Crispim levou a melhor na final feminina contra Deborah Werneck e conquistou o troféu da 4° edição do “MasterChef”, realizada na noite desta terça-feira (22). Entretanto, a chef do restaurante Clandestino, Bel Coelho, usou seu perfil do Twitter para a acusar a amadora de copiar sua sobremesa, um tartar tropical, preparado com tapioca, coco ralado e coberto com baba de moça, na última prova da competição. “Michele copia descaradamente e literalmente minha sobremesa. Sinto-me honrada de ser copiada, mas é feio não dar o crédito. Feio para ela! E na final, a sobremesa deve ser uma criação e não copia”, reclamou.

Na manhã desta quarta-feira (23), a santa catarinense usou seu perfil do Instagram para celebrar a vitória. “Bom dia para quem ainda praticamente não dormiu, inebriada por tanta emoção”, vibrou. No post, ela, que protagonizou briga com Aderlize fora da disputa, também aproveitou para esclarecer a polêmica com Bel Coelho. “Preciso fazer justiça publicamente. Já que no programa não passou, quero dar o merecido crédito a uma chef que sempre foi e sempre será uma inspiração para mim. A sobremesa do meu menu da final foi, sim, baseada na da Bel Coelho, a quem dedico parte da minha vitória”, declarou.

Com a vitória de Michele, Deborah ficou no segundo lugar. A carioca, que usou as redes sociais para negar que tenha chamado de “maluco” o Henrique Fogaça, declarou ao portal da “Band” que todos os pratos feitos foram originais: “O meu menu foi completamente autoral e foi uma estratégia adotada com base no marketing que os participantes, os colegas e os próprios jurados fizeram em cima das minhas farofas. Então, eu aproveitei esse conceito – que se tornou um business para mim – e trouxe isso para a final. Meu menu representou toda a minha história”.

Você também vai curtir