Marcos perde controle com Emilly e família da gêmea reclama com a Globo

Cirurgião plástico encurrala a sister e os desentendimentos do casal preocupam parentes da participante (Reprodução/TV Globo)

por

Cirurgião plástico encurrala a sister e os desentendimentos do casal preocupam parentes da participante (Reprodução/TV Globo)

O polêmico relacionamento entre Marcos e Emilly continua dando o que falar dentro do “BBB 17”. No último final de semana, os dois viraram notícia por conta de uma nova briga ocorrida durante a festa “Emoções”.

Na ocasião, o cirurgião plástico perdeu o controle com a namorada e a encurralou no canto da sala. Visivelmente alterado, o jogador colocou o dedo na cara da sister, gritou de forma violenta e ainda apertou o pulso dela. Nas redes sociais, inúmeras pessoas comentaram sobre o assunto e acusaram Marcos de ter agredido Emilly. A irmã gêmea dela, a Mayla, também se manifestou no Twitter revelando que a família entrou em contato com a produção do reality para reclamar sobre o comportamento do médico. “Quero deixar claro para todos, meu pai está em contato com a produção. Chegou no limite. Estamos devastados com tudo que vimos”, escreveu ela na web.

No “BBB 17” exibido neste domingo (9), o apresentador Tiago Leifert afirmou que a direção do programa está de olho em Marcos. “O comportamento do casal e as atitudes do Marcos nos preocupam e preocupam vocês. O ‘Big Brother’ está preparado para interferir e proteger os participantes. Mesmo assim, hoje, no início da noite, conversamos separadamente com Emilly e Marcos. Conversamos primeiro com Marcos, que foi alertado sobre seu comportamento e sobre as regras do programa. Depois a gente falou com a Emilly e reforçou o que é óbvio, ela pode e deve procurar a produção do programa a qualquer momento para denúncias e reclamações”, disse ele.

Antes de eliminar Marinalva que perdeu o último paredão com Marcos, Tiago Leifert também comentou que a atração é reflexo da vida real e que a emissora é totalmente contra as agressões físicas. “O BBB é um jogo, é um programa de entretenimento que espelha a vida real. O que nós vimos hoje acontece em tempo real, porém sem as câmeras. Uma discussão como a que aconteceu hoje pode levar a uma agressão física, que não é admissível  nem no programa, nem na vida real”, declarou ele.

Você também vai curtir