TOPO

Gretchen declara seu amor por Thammy: Não importa se é homem ou mulher

por Marta Lima / Publicado em sexta-feira, 10 mar 2017 10:29 AM / / 576 views


Gretchen e seu filho, Thammy Miranda, se emocionarão no “Programa Raul Gil” que vai ao ar neste sábado (11), no SBT. Durante participação no quadro “Elas Querem Saber”, do qual Thammy faz parte, a cantora vai declarar seu amor por ele, independentemente do gênero, e dirá que sente orgulho do filho “por ser o que ele realmente queria”.

“Primeiro eu queria, em nome de todos os homossexuais e travestis, pedir desculpas para você por eu ter vindo assim no mundo. Pois não é uma opção nossa, os pais montam um castelo, montam um sonho e às vezes a gente não pode corresponder, mas enquanto a gente for vivo espero corresponder com meu caráter, minha índole, minha personalidade e com isso tudo que você sonhou, que era para eu ser uma Gretchen dos anos 2000”, diz Thammy.

Ao ouvir o pedido de desculpas, Gretchen responde que ama e sente orgulho de Thammy sem se incomodar com a questão sexual e de gênero nem com quem ele dorme, porque o mais importante para a cantora é a felicidade do filho. Os dois se abraçarão e serão aplaudidos pela plateia, enquanto o telão do programa exibe uma foto de Gretchen com o filho.

“Foi muito bom você tocar nesse assunto, pois há uns anos eu queria que você fosse a Gretchen dos anos 2000. Só que hoje, vendo você feliz, vendo você realizado, com esse corpo que você tem, com esse cabelo, por você ter retirado os seios, por você ser realmente o que você queria, eu sou muito orgulhosa de você, pois para mim o que importa não é a roupa que você usa, com quem você dorme, se você é ou não homossexual. O que me interessa é cada dia que você acorda eu ver esse sorriso que você tem, eu saber que você é uma pessoa feliz”, afirma Gretchen.

“Se é homem ou mulher isso não interessa. Eu gerei, eu quis você desde o primeiro minuto. Não me interessa o que as pessoas pensam ao seu respeito. Eu te amo como você é, eu tenho orgulho de você como ser humano, como pessoa, como você é. Não tem explicação para a pessoa que você é”, completa a cantora.

No quadro de Raul Gil, Gretchen confessa que ainda é difícil chamar Thammy pelo gênero masculino: “Ainda não acostumei, às vezes falo ‘o’ e às vezes falo ‘a'”. A cantora também relembra como o filho manifestou a questão de gênero desde a infância.

“Há 30 anos não existia essa coisa de homossexualidade. Quando eu estava grávida do meu segundo filho, ela me dizia que queria fazer xixi em pé e só andava de Kichute. Quando eu botava sainha e lacinho na cabeça, ela chorava o tempo todo. Ela tinha uma coisa diferente, mas era normal, pois como meu segundo filho era menino eu achava que ela queria ser um menino para chamar atenção”, recorda.

|