“Pequeno Segredo” recebe R$ 167 mil para fazer campanha pelo Oscar

O longa-metragem "Pequeno Segredo", selecionado para representar o Brasil na disputa por uma indicação ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2017, vai receber R$ 197 mil para promoção internacional. No ano passado, "Que Horas Ela Volta?" recebeu do governo US$ 61.611,76 (aproximadamente R$ 210 mil na cotação atual).

por
atriz-mariana-goulart-garota-de-pequeno-segredo-diz-que-nao-ficou-mais-popular-com-o-filme-1478779896679_615x300

O longa-metragem “Pequeno Segredo”, selecionado para representar o Brasil na disputa por uma indicação ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2017, vai receber R$ 197 mil para promoção internacional. No ano passado, “Que Horas Ela Volta?” recebeu do governo US$ 61.611,76 (aproximadamente R$ 210 mil na cotação atual).

O dinheiro virá do Programa de Apoio ao Oscar da Ancine e foi escolhido em setembro como representante brasileiro entre 17 inscritos, entre eles “Aquarius”. Ajuda semelhante é oferecida à todos os concorrentes do país desde 2008.

Vale lembrar que “Pequeno Segredo” ainda não foi indicado ao Oscar e para que isso ocorra, é preciso que os membros da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood assistam ao filme. O dinheiro, portanto, geralmente é utilizado em campanhas publicitárias convidando os jurados a assistirem ao trabalho.

As votaçõe serão abertas no dia 5 de janeiro de 2017, que terão até o dia 13 de janeiro para submeter seus indicados. Após contabilização dos votos de todos os membros, no dia 24 de janeiro serão anunciados os indicados oficiais ao Oscar 2017.

A 89ª cerimônia do Oscar vai ocorrer em 26 de fevereiro de 2017, em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Você também vai curtir