Diretor de “Deadpool” deixa sequência por diferenças criativas com Reynolds

Divulgação/Twentieth Century Fox"Deadpool 2" perdeu o diretor O diretor Tim Miller deixou o comando da sequência de “Deadpool”. De acordo com o site Deadline, Miller, que dirigiu o original, saiu por conta de “diferenças criativas” com o protagonista Ryan Reynolds.

por
  • Divulgação/Twentieth Century Fox
    Diretor de "Deadpool" deixa sequência por diferenças criativas com Reynolds
    “Deadpool 2” perdeu o diretor

    “Deadpool 2” perdeu o diretor

O diretor Tim Miller deixou o comando da sequência de “Deadpool”. De acordo com o site Deadline, Miller, que dirigiu o original, saiu por conta de “diferenças criativas” com o protagonista Ryan Reynolds.

O cineasta ainda não havia assinado o contrato de direção do longa, mas era dado como certo no posto. Ele já estava desenvolvendo o roteiro da produção.

Apesar das diferenças, a saída de Miller foi amigável. Ele irá desenvolver outro projeto para a Fox: a adaptação do livro “Influx”, que deve ser uma trilogia nos cinemas.

A Fox havia anunciado em abril que a equipe criativa inteira estaria de volta para o segundo longa, incluindo os roteiristas Rhett Reese e Paul Wernick.

O primeiro filme do herói arrecadou mais de US$ 750 milhões nas bilheterias mundiais, tornando-se a produção com classificação restritiva mais lucrativa da história.

O enredo apresenta o ex-militar e atual mercenário Wade Wilson, diagnosticado com câncer em estado terminal, que encontra uma possibilidade de cura. E, claro, a partir daí, vem os poderes.

O filme conquistou os críticos e principalmente os fãs dos quadrinhos, além de representar uma reviravolta na carreira do astro Ryan Reynolds, finalmente esquecido pelo papel de Lanterna Verde no péssimo filme solo do herói.

A sequência de “Deadpool” deve chegar aos cinemas em 2018.

Você também vai curtir