TV Cultura trocou medição de audiência do Ibope pela da GfK

ReproduçãoTV Cultura não é mais cliente do Ibope A TV Cultura não tem mais contrato com a Kantar Ibope. A emissora paulista trocou a empresa pela GfK, com a qual assinou um contrato de um ano, e irá receber os dados de audiência apenas do instituto alemão.

por
  • Reprodução

    TV Cultura trocou medição de audiência do Ibope pela da GfK
    TV Cultura não é mais cliente do Ibope

A TV Cultura não tem mais contrato com a Kantar Ibope. A emissora paulista trocou a empresa pela GfK, com a qual assinou um contrato de um ano, e irá receber os dados de audiência apenas do instituto alemão.

A assessoria de imprensa da Cultura justificou a troca e afirmou que o valor da contratação da GfK já estava previsto no orçamento da emissora, dentro de uma verba específica para pesquisas: “O valor é provisionado anualmente na rubrica de pesquisa, a GFK foi escolhida para substituir o Ibope em virtude da qualidade e de um fornecimento mais completo de dados”.

Questionada pela reportagem não havia o temor de que o novo contrato com a GfK causasse mal-estar, já que recentemente seus funcionários decidiram entrar em greve, a Cultura negou: “Não há correlação entre os fatos. O contrato da GFK relaciona-se a estudos de programação e defesa dos planos comerciais da TV Cultura”.

A Cultura é a quarta emissora a aderir aos serviços de medição de audiência da GfK no Brasil, juntando-se a Record, SBT e RedeTV!. As três emissoras Já estudam abandonar a medição do Ibope até 2020. Isso porque seria impraticável e improdutivo pagar por duas medições.

Você também vai curtir