TOPO

Morre o ator Duda Ribeiro

por Redação / Publicado em quarta-feira, 14 set 2016 14:03 PM / / 785 views
  • Reprodução/Instagram/dudaribeiro
    Morre o ator Duda Ribeiro
    O ator Duda Ribeiro

    O ator Duda Ribeiro morreu nesta quarta-feira (14) aos 54 anos. Ele lutava contra um câncer e estava internado no hospital Adventista Silvestre no Rio de Janeiro. Em 2010, ele passou por seis cirurgias para tratar um câncer no fígado e precisou passar por um transplante.

Em seu última publicação no Facebook, no dia 7 de setembro, Duda escreveu: “A vida nas mãos do Criador. Não se iluda, ela não será controlada por você. Por isso tente, uma vez só, deixar que ela flua como Ele quer”.

Vários amigos lamentaram a morte do ator nas redes sociais. “Amigo querido. Aprendi com ele em cada momento de sua luta. Aceitando com alegria seu destino e nos alegrando a todos sempre. Mais uma estrela nos ilumina agora em paz”, escreveu Letícia Spiller no Instagram.

“Meu amigo amado, é com essa imagem que me despeço de você, em ‘Assalto ao Banco Central’. Foi você que me ensinou a fazer comédia, foi com a sua direção que ganhei premio de atriz revelação no teatro, foi com você que fiz um dos melhores e mais divertidos trabalhos da minha vida. Te amo muito, parabéns pela sua passagem nesse plano, dois filhos lindos, um grande homem, grande amigo e um grande ator. Vai com Deus”, escreveu Antonia Fontenelle.

O ator deixa dois filhos, Júlia, 16 anos, e Felipe, de 14, frutos do seu relacionamento com a dentista Patricia Iorio.

Duda interpretou o personagem Adam em “Salve Jorge” (2012) e participou do “Vai que Cola” em 2013. Ele estava escalado para a próxima novela de Gloria Perez, “À Flor da Pele”, que estreia em 2017 na Globo.

Biografia

Duda Ribeiro nasceu em 5 de junho de 1962, no Rio de Janeiro. Formado em engenharia, ele ingressou na atuação após ser convidado para a montagem do espetáculo “Nossa Cidade” pelo diretor Carlos Wilson, a quem havia conhecido em uma reunião do Tablado.

De lá em diante, ele atuou em várias peças e construiu também uma carreira como dramaturgo, tendo escrito produções como “Doida Varrida”, “Uma Dupla de Dois” e “Ópera dos Horrores”.

Na TV, ele atuou em várias novelas da Glória Perez, incluindo “Barriga de Aluguel”, o remake de “Pecado Capital”, “Caminho dos Índias”, além de “Salve Jorge”.

|