“Muito mais gostoso”, diz Leo sobre ganhar “MasterChef” com torcida contra

Carlos Reinis/BandLeonardo Young comemora vitória na terceira edição do "MasterChef"

por
  • Carlos Reinis/Band
    "Muito mais gostoso", diz Leo sobre ganhar "MasterChef" com torcida contra
    Leonardo Young comemora vitória na terceira edição do “MasterChef”

     

O talento para a gastronomia pode ter sido decisivo para Leonardo Young levar o prêmio da terceira edição do “MasterChef”, mas na opinião do campeão houve um outro elemento essencial para sua vitória: a torcida contra.

“É muito mais gostoso. E eu fiquei feliz que a torcida lá fora era gigante. Então quanto mais eles [adversários] ficavam contra aqui dentro, mais forte eu ficava e mais forte a torcida lá fora ficava”, disse o empresário paulistano em entrevista após a final do reality, na madrugada desta quarta (24).

Na prova final, Leo cozinhou sob o olhar dos eliminados cuja maioria declarou sua torcida por Bruna. Para ele, o fato de ter um irmão (Gustavo) que já é chef de cozinha foi decisivo para que ganhasse a inimizade dos oponentes.

“Sim, meu irmão é chef e isso me atrapalhou muito por causa da torcida. Foi horrível. A gente nem é tão próximo assim, foi uma situação péssima. Poderia usar isso a meu favor, mas ironicamente não usei”, afirmou.

Eleito o “crush” da edição, Leo recusa o rótulo de galã e diz que foi “patinho feio” na adolescência. “Acho que a questão da pressão, da torcida contra aqui dentro foi o que as pessoas se identificaram. E o meu bom trabalho também, se fosse só a torcida contra não adiantava”, analisou.

Ainda surpreso com o prêmio, Léo afirmou que “vai analisar com calma” o futuro na carreira. Ele pensa em estudar, aproveitar as oportunidade proporcionadas pelo reality show e talvez abrir um restaurante.

Você também vai curtir