Cine Brasília exibe novo filme de Darín e outros seis argentinos inéditos

DivulgaçãoRicardo Darín vive um ex-capitão das Forças Armadas em ""Kóblic", que será exibido na Mostra de Cinema Argentino

por
  • Divulgação
    Cine Brasília exibe novo filme de Darín e outros seis argentinos inéditos
    Ricardo Darín vive um ex-capitão das Forças Armadas em “”Kóblic”, que será exibido na Mostra de Cinema Argentino

     

O Cine Brasília promove a sua primeira mostra de Cinema Argentino, de 25 a 31 de agosto, com entrada franca e sessões às 19 horas. Sete filmes recentes, a maioria inéditos, produzidos entre 2014 e 2016, compõem a mostra, que traz Ricardo Darín como protagonista da exibição de estreia, “Kóblic”, na quinta-feira (25).

No novo longa do ator, o mais conhecido do cinema argentino pelo público brasileiro, Darín encarna o ex-capitão das Forças Armadas Tomás Kóblic, responsável por coordenar as operações aéreas conhecidas como os “voos da morte”, onde elementos considerados subversivos durante a ditadura eram arremessados de dentro dos aviões no mar. O filme tem estreia prevista no Brasil para 15 de setembro.

O encerramento fica a cargo de “Abzurdah”, uma produção de Daniela Goggi, de 2015. “Kryptonita”, “O Décimo Homem”, “O Cinco” e “O Patrão: Radiografia de um Filme” são os outros longas da Primeira Mostra Cinema Argentino.

Divulgação

Cine Brasília exibe novo filme de Darín e outros seis argentinos inéditos
O longa argentino “Kryptonita” (2015)

 

PROGRAMAÇÃO

25 de agosto (quinta)
KÓBLIC (KÓBLIC), Sebastián Borensztein, 2016, ARG, ESP (92 min) É a história de um homem perseguido por seus colegas e atormentado pela sua consciência. O piloto militar Tomás Kóblic foge para se esconder num pequeno povoado, onde sua presença não passará despercebida para o violento comissário Velarde, quem o perseguirá de forma implacável; nem para Nancy, uma mulher que sonha em ser resgatada do inferno em que vive. Com a atuação de Ricardo Darín.

26 de agosto (sexta)
KRYPTONITA (KRYPTONITA), Nicanor Loreti, 2015, ARG (80 min) O Tordo trabalha como médico plantonista no hospital Paroissien. Junto com Nilda, a enfermeira de plantão, passa seus dias e noites mantendo-se acordado por meio de comprimidos. Mas esta noite tudo mudará. De surpresa, aparece no hospital o bando de Nafta Super: um grupo formado por ladrões muito famosos da região.

27 de agosto (sábado)
EL REY DEL ONCE (O DÉCIMO HOMEM), Daniel Burman 2015, ARG (81 min) Ariel acredita ter deixado para trás seu passado. Depois de ter crescido numa comunidade judia de Buenos Aires, ele construiu uma nova e, ao que tudo indica, exitosa vida como economista em Nova York, mas deve retornar, convocado pelo seu pai: Usher. A missão de vida de Usher, frequentemente em detrimento de sua família, é o funcionamento de uma fundação de ajuda à comunidade judia no bairro de Once. De volta em Buenos Aires, Ariel se familiariza novamente com a comunidade e com o papel que seu pai tem nela.

28 de agosto (domingo)
19 horas
EL 5 DE TALLERES (O CINCO), Adrián Biniez, 2014, ARG, URU (100 min) Patón Bonassiolle, capitão do time de futebol Talleres, da divisão C argentina, percebe que sua carreira futebolística chegou ao fim. Aos 35 anos, sem fama nem fortuna, deve enfrentar o mundo real junto com a sua namorada Ale.

21 horas
ME CASE CON UN BOLUDO, (ROTEIRO DE CASAMENTO) Juan Taratuto, 2016, ARG (110 min) Fabián Brando e Florencia Córmik são atores. Ele é o mais renomado do país e ela uma completa desconhecida. Durante as filmagens de um longa- metragem iniciam um tórrido romance que, quase sem noivado, acaba em casamento. Durante a lua de mel, Florencia percebe que se casou com um idiota irrecuperável. Quando Fabián fica sabendo o que ela pensa a seu respeito, idealiza um plano que só conseguirá concretizar com a ajuda do roteirista de seus filmes de maior sucesso.

29 de agosto (segunda)
EL PATRÓN: RADIOGRAFÍA DE UN CRIMEN (O PATRÃO: RADIOGRAFIA DE UM CRIME), Sebastián Schindel, 2014, ARG, VEN (98 min) Um humilde peão de campo encontra trabalho como açougueiro na cidade grande. Seu patrão é um sinistro personagem dono de uma cadeia de açougues que o obriga a vender carne em mau estado, ao passo em que o submerge numa verdadeira escravidão. Até onde é possível explorar um homem? A dura crueldade do patrão redundará inevitavelmente em tragédia. O filme está baseado numa história real que ocorreu no coração de Buenos Aires.

31 de agosto (quarta)
ABZURDAH (ABZURDAH), Daniela Goggi, 2015, ARG (90 min) Cielo é uma adolescente que conhece, pela internet, um garoto nove anos mais velho do que ela, com quem inicia uma relação e se apaixona perdidamente. Submersa num ambiente superficial, sem amigas e num mundo adulto que pouco compreende o universo adolescente, a relação torna-se uma obsessão para Cielo, uma narradora loquaz, incisiva e vertiginosa, que nos conduz por uma história de amor não correspondido, onde a opção de deixar de comer torna-se a ilusão de uma vida perfeita.

Serviço
Primeira Mostra Cinema Argentino
Onde: Cine Brasília (EQS 106/107 – Asa Sul, Brasília – DF)
Quando: 25 a 31 de agosto
Quanto: entrada franca
Mais informaçõeswww.cultura.df.gov.br

Você também vai curtir