Globo exibe “Meu Amigo Hindu” em homenagem a Hector Babenco

DivulgaçãoCena do filme "Meu Amigo Hindu" O último filme do cineasta Hector Babenco, "Meu Amigo Hindu", estreia na TV no próximo sábado (16) no "Supercine", após o "Altas Horas", na Globo. Com tom autobiográfico, o longa trata justamente da proximidade da morte ao retratar, de modo fictício, a luta do realizador contra um linfoma durante oito anos. O diretor morreu na última quarta-feira, aos 70 anos, depois de sofrer uma parada cardiorrespiratória. 

por
  • Divulgação
    Globo exibe "Meu Amigo Hindu" em homenagem a Hector Babenco
    Cena do filme “Meu Amigo Hindu”

     

O último filme do cineasta Hector Babenco, “Meu Amigo Hindu”, estreia na TV no próximo sábado (16) no “Supercine”, após o “Altas Horas”, na Globo. Com tom autobiográfico, o longa trata justamente da proximidade da morte ao retratar, de modo fictício, a luta do realizador contra um linfoma durante oito anos. O diretor morreu na última quarta-feira, aos 70 anos, depois de sofrer uma parada cardiorrespiratória.

Estrelado pelo americano Willem Dafoe, o filme narra a história do cineasta Diego (Willem Dafoe), alter ego de Babenco. Diagnosticado com câncer terminal, ele decide se casar e se despedir dos amigos antes de fazer uma viagem aos Estados Unidos para realizar um transplante experimental de medula óssea. Durante a recuperação, ele faz um novo amigo: um menino hindu de 8 anos.

Barbara Paz, viúva do diretor, Maria Fernanda Cândido, Reynaldo Gianechini, Selton Melo, Maitê Proença e Dalton Vigh também estão no elenco.

Você também vai curtir