TOPO

No “Vídeo Show”, Miguel Falabella reclama do barulho de música no estúdio

por Redação / Publicado em quinta-feira, 23 jun 2016 11:30 AM / / 471 views
  • Reprodução
    No "Vídeo Show", Miguel Falabella reclama do barulho de música no estúdio
    Miguel apresenta o “Vídeo Show”

     

Personagem marcante na história do “Vídeo Show”, Miguel Falabella voltou à bancada do programa na tarde desta quarta-feira (22) para uma participação especial. Falabella relembrou a sua passagem pela atração, que, segundo ele, proporcionou momento único em sua carreira.

Já no início de sua participação, o ator e diretor reclamou do barulho da música no estúdio. “Essa música fica assim o tempo todo? A gente não sabe se escuta, se fala, mas enfim”, reclamou Falabella. Otaviano Costa, então, pediu para retirarem a trilha sonora do ar.

Em seguida, ele demonstrou satisfação em retornar à bancada da atração. “É muito legal estar aqui. É importante fazer o caminho de volta”, destacou. “Cheguei em 1987 para apresentar o programa e foi maravilhoso. Eu acho que o ‘Vídeo Show’ me deu uma coisa única na vida e faço questão de ressaltar a importância desse programa na minha carreira. [O Vídeo Show] me deu uma intimidade com o público maravilhosa, essa relação que consegui estabelecer com o público ao longo desses anos. Esse programa me tirou do personagem, do ator, e consegui estabelecer uma conexão com o público”, disse Falabella, que ficou durante 15 anos — entre 87 e 2002– à frente do programa. “Me lembro que o Boni queria uma cara fixa, testou vários atores, e eu disse ‘ah eu vou fazer eu mesmo’, completou.

Ele também relembrou os tempos em que comandava o vespertino. “Já apresentei em cada cantinho! Sou o rei dos puxadinhos”, brincou. Em outro momento, o ator contou que não iria fazer o personagem Caco Antibes no “Sai De Baixo” — ele seria apenas o autor da sitcom. O ator que iria interpretar o personagem acabou desistindo e Falabella entrou no lugar do titular.

Falabella contou que para entrou no “Vídeo Show” após fazer teste com Boni, que queria uma “cara fixa”. “Me lembro que o Boni queria uma cara fixa, testou vários atores, e eu disse ‘ah eu vou fazer eu mesmo’, completou.

Reprodução

No "Vídeo Show", Miguel Falabella reclama do barulho de música no estúdio
Miguel se diverte lembrando as histórias de Nair Bello nos bastidores da TV

O “Vídeo Show” mostrou momentos marcantes da carreira de Miguel, como o quadro que ele tinha no programa, o talk-show “Tricotando com Falabella”, por onde passaram Dina Sfat, Nair Bello, Susana Vieira e Jane Fonda.

Desde 2015, Miguel Falabella participa do “Vídeo Show”, mas apenas no encerramento do programa, com uma mensagem motivacional.

Ator, autor e diretor, Miguel Falabella estreou na teledramaturgia da Globo em 1982. Participou de várias novelas como “Amor com Amor se Paga”, “Livre para Voar” e “Sassaricando”. Em 1987, assumiu o posto de apresentador de “Vídeo Show”, programa no qual ficou até o ano de 2001, voltando como uma espécie de “comentarista” em 2015. Além do “Vídeo Show”, a carreira de Falabella se destaca também pelo vigarista Caco Antibes, em “Sai de Baixo”. A série ficou no ar entre 96 e 2001. Em 2017, irá estrear a sua nova série “Brasil a Bordo”.

|

Comentários no Facebook