Baseado no Caso Pedrinho, filme “Mãe Só Há Uma” conta o roubo de um bebê

O novo filme da diretora Anna Muylaert, "Mãe Só Há Uma", ganhou um novo trailer nesta quinta-feira (2), divulgado com exclusividade pelo UOL. O filme é inspirado no Caso Pedrinho, que chocou o país em 2002.

por

cena_do_filme_mae_so_ha_uma_da_diretora_anna_muylaert_transexual_filme_lgbt

O novo filme da diretora Anna Muylaert, “Mãe Só Há Uma”, ganhou um novo trailer nesta quinta-feira (2), divulgado com exclusividade pelo. O filme é inspirado no Caso Pedrinho, que chocou o país em 2002.

No enredo, o jovem Pierre (interpretado por Naomi Nero, sobrinho do ator Alexandre Nero) descobre que foi roubado na infância e que sua família atual não é a biológica. A polícia prende a sua mãe de criação e ele vai viver com a nova família.

O problema é que ele não se adapta ao novo lar, onde é chamado de Felipe. A mudança coincide também com a descoberta de sua sexualidade, que não é aceita na nova família.

O filme foi exibido na mostra Panorama do Festival de Berlim um ano depois de Anna Muylaert ganhar o prêmio do festival por “Que Horas Ela Volta?”.

O elenco conta ainda com Matheus Nachtergaele e Dani Nefussi, que interpreta as duas mães (a biológica e a de criação). Mas a caracterização da personagem é tão bem feita que poucas pessoas percebem que a atriz interpreta dois papéis diferentes e antagônicos.

 

Você também vai curtir