TOPO

Globo vai mostrar São Paulo alegre e sem violência em nova novela das 19h

por Redação / Publicado em quarta-feira, 02 mar 2016 10:40 AM / / 928 views
  • Manuela Scarpa/Brasil News

    Globo vai mostrar São Paulo alegre e sem violência em nova novela das 19hOs protagonistas de “Haja Coração” Malvino Salvador, Cleo Pires, João Baldasserini e Mariana Ximenes

Inspirada em “Sassaricando”, de 1987, “Haja Coração” também se passará em São Paulo, mas nada de mostrar a violência urbana e os problemas que afetam a maior cidade do Brasil. A trama, que substituirá “Totalmente Demais”, focará em romance, personagens jovens e entrará no mundo das redes sociais.

A novela, que estreia em 16 de maio, começou a ser gravada no último dia 20 no Vale do Anhangabaú e na Vila Madalena. Os personagens centrais serão interpretados por Mariana Ximenes (Tancinha), Malvino Salvador (Apolo), João Baldasserine (Beto) e Cleo Pires, que será Tamara, que não existia na versão original.

“O foco é a relação humanizada entre os personagens. É uma novela muito família, sem violência. Não terá nada ligada ao crime. Novela tem que entreter, o telespectador tem que sentar, rir e relaxar. Teríamos muitos matizes para destacar ao retratar a cidade, e optamos por mostrar essa São Paulo solar, alegre. Optamos pela leveza”, afirma o diretor Fred Mayrink.

Divulgação

Globo vai mostrar São Paulo alegre e sem violência em nova novela das 19h

Em “Sassaricando”, Apolo e Tancinha eram Alexandre Frota e Claudia Raia

Autor de “Haja Coração”, Daniel Ortiz frisa que a trama não é remake de “Sassaricando”, mas uma releitura do sucesso de Silvio de Abreu. “Comecei a querer escrever novela depois que assistir ‘Sassaricando’. E sempre quis escrever sobre São Paulo, mostrar as culturas daqui, a arte. É um sonho poder reviver esses personagens que foram tão marcantes. Não é um remake, é tudo novo, é um outro ponto de partida. Não vou fazer uma cópia”, esclarece Ortiz, mesmo autor de “Alto Astral”.

Em “Sassaricando” Tancinha foi interpretada por Claudia Raia, Apolo era o Alexandre Frota e Beto Bacellar foi vivido por Marcos Frota. Ortiz transformou o triângulo secundário da versão original em protagonistas e mudou as características de cada um. “O Apolo era mais antagonista na versão original, era bruto. Esse Apolo é diferente romântico. O amor entre eles é bem mais forte do que na versão original. Guel, papel de Edson Celulari, não existe nessa novela, por exemplo”, conta Ortiz.

Uma das ousadias do autor é levar para “Haja Coração” uma personagem de outra trama. Trata-se de Shriley “Manca”, interpretada por Karina Barum em “Torre de Babel”, amiga de Jamantha Cacá Carvalho. A novela foi ao ar em 1998. “Sempre gostei dessa personagem e quis inseri-la. Conversei com o Silvio que concordou”, adianta o autor. Shirley, vivida por Sabrina Petraglia, será irmã de Tancinha.

|

Comentários no Facebook