Mara quer se reinventar nos palcos: “Fiquei com estereótipo de evangélica”

Reprodução/Jovem Pan Ao falar de sua volta à TV proporcionada pelo reality show "A Fazenda 8", Mara Maravilha disse que o objetivo, a partir de agora, será se firmar como artista. Segundo a apresentadora, que também é cantora gospel, o rótulo de evangélica não contribuiu para a sua imagem diante do público.

por
  • Reprodução/Jovem PanMara quer se reinventar nos palcos: "Fiquei com estereótipo de evangélica"

Ao falar de sua volta à TV proporcionada pelo reality show “A Fazenda 8”, Mara Maravilha disse que o objetivo, a partir de agora, será se firmar como artista. Segundo a apresentadora, que também é cantora gospel, o rótulo de evangélica não contribuiu para a sua imagem diante do público.

“Fiquei com o estereótipo de evangélica. É bom para o meu lado pessoal, mas como artista não é bom na essência. Quero mais do que nunca mostrar que sou uma artista e que sei me comunicar com o público”, afirmou no programa “Morning Show”, da rádio Jovem Pan, nesta quinta-feira (24).

Ela disse que pretende se dedicar a um pocket show a partir do ano que vem. “O meu grande projeto é estar no teatro, contando histórias dos anos 80, sobre Angélica, Xuxa, Menudo…”, contou.

Mara aproveitou para dizer que tem vontade de voltar a ter um programa na televisão, mas com um formato diferente em relação àquele que a consagrou com o público infantil. “Eu amo as crianças, mas tem que mudar a página”, afirmou, destacando o êxito da apresentadora Eliana de conseguir migrar seu trabalho para o público adulto.

“Não priorizei muito televisão [nos últimos anos], fiquei meio alérgica à televisão. Acredito que em 2016 que vai ser propício para voltar para a TV com um produto papo reto. Eu quero a Mara polêmica”, afirmou. A baiana também falou que não aceitaria fazer novela, mas disse que poderia fazer uma participação em uma série.

A Fazenda

A ex-peoa de “A Fazenda” disse que, nos últimos dias que passou no confinamento em Itu (Sâo Paulo), estava em seu limite. “Eu só queria ficar me escondendo. Na última semana eu ia com cobertor, via a câmera e queria me esconder. Não queria mais, bloqueou mesmo”, afirmou.

Ao falar de Douglas, que venceu a edição, Mara comentou a difícil convivência com o ator: “Ele me fez sofrer muito. Foi a pessoa mais difícil que eu conheci em toda a minha vida, mas posso garantir que na idade dele eu era pior”.

Você também vai curtir