TOPO

“Astro pornô feminista”, James Deen é acusado de estupro por ex e colegas

por Redação / Publicado em quarta-feira, 02 dez 2015 11:43 AM / / 583 views
  • Gabriel Bouys/AFP

    "Astro pornô feminista", James Deen é acusado de estupro por ex e colegasO ator pornô James Deen está sendo acusado de estupro

Chamado de “astro pornô feminista” pela imprensa norte-americana, o ator James Deen foi acusado de estrupo por três mulheres, incluindo sua ex-namorada Stoya, também atriz pornô.

A primeira acusação contra Deen veio de Stoya, que publicou um desabafo em seu Twitter no último sábado (28). “Aquele momento em que você entra na internet por um segundo e vê pessoas idolatrando o cara que te estuprou como um feminista. James Deen me segurou e me estuprou enquanto eu dizia ‘não, pare’ e usava minha palavra de segurança. Eu não posso simplesmente acenar e sorrir quando as pessoas falam dele”, afirmou. Os dois namoraram em 2013.

Na segunda-feira, outra atriz da indústria, Tori Lux, disse ter sido estuprada pelo ator, em um artigo para o site The Daily Beast. Segundo Lux, Deen a atacou após os dois gravarem uma cena, na presença de outras pessoas, que não fizeram nada para contê-lo.

Uma terceira atriz, Ashley Fires, disse ao Daily Beast que também foi assediada por Deen em um estúdio, após filmar. Fires relatou que o ator tentou agarrá-la enquanto ela saía do banho e que, um ano depois, veio confrontá-la por ela ter contado o ocorrido a outras pessoas, justificando o porquê de não trabalhar com ele. Ele ainda teria aconselhado a atriz a mentir sobre o motivo: “Você pode dizer outra coisa? Fale que eu pareço com seu irmão”.

Em seu Twitter, Deen negou as acusações. “Algumas acusações odiosas foram feitas contra mim nas redes sociais. Quero assegurar meus amigos, fãs e colegas que essas alegações são falsas e difamatórias. Eu respeito as mulheres e respeito limites tanto profissional quanto privadamente”.

Consequências

Desde que as acusações vieram à tona, James Deen já sofreu consequências profissionais. Uma web série culinária que ele apresentava não foi renovada e a coluna sobre amor e sexo que escrevia para o site The Frisky foi cancelada.

Segundo o site TheWrap, os representantes de Deen não comentaram sobre esses projetos, e disseram que o ator está dando sequência a outros trabalhos, incluído um piloto para a TV e um documentário sobre sua vida, que deve ir ao ar em 2016.

Nos últimos anos, Deen buscava estender sua carreira para além do pornô. Ele contracenou com Lindsay Lohan em 2013 no filme “The Canyons”.

|

Comentários no Facebook