TOPO

Pigossi defende “cegueira” de Dante: “Se pegar o Zé Maria, acabou a novela”

por Redação / Publicado em sexta-feira, 13 nov 2015 11:21 AM / / 776 views
  • DivulgaçãoPigossi defende "cegueira" de Dante: "Se pegar o Zé Maria, acabou a novela"

Destaque na trama policial de “A Regra do Jogo”, o ator Marco Pigossi, que dá vida a Dante, acha natural a demora do personagem em começar a suspeitar que o pai, Romero (Alexandre Nero), tenha algum tipo de ligação criminosa. Em mais de uma situação, o mocinho teve seu plano de prender Zé Maria (Tony Ramos) frustrado após revelar ao ex-vereador a intenção de deter o bandido.

“É engraçado porque existe uma ansiedade muito grande das pessoas de que tudo se resolva e que a história ande rápido. Acho que isso vem da quantidade de informações que a gente absorve”, disse o ator em um evento em São Paulo nesta quinta-feira (12). “Se eu descobrir agora que o meu pai é da facção e pegar o Zé Maria acabou a história, não temos novela. A brincadeira é essa. Como estamos falando de um policial, existe essa urgência de se resolver as coisas, mas tem um tempo natural da trama”, observou.

No programa Popzone Vê TV de quarta, o crítico Mauricio Stycer classificou a “cegueira” de Dante como incoerente e o que mais lhe irrita na novela de João Emanuel Carneiro. Pigossi defendeu o policial, justificando que o criminoso dissimulado em questão não se trata de qualquer um.

“Não é um amigo, é o cara que criou ele. É totalmente real que esteja acima do bem e do mal. O Dante não tem família, foi adotado e acho muito natural que não desconfie do pai. Eu não desconfio do meu pai”, afirmou.

De herói a vilão?

O autor João Emanuel Carneiro prevê novas reviravoltas para o centésimo capítulo de “A Regra do Jogo”, que deve ser exibido em dezembro. Embora os personagens sejam dúbios, Pigossi não acredita em uma mudança de caráter do justiceiro Dante – e muito menos que ele assuma um lado vilão.

“Esse personagem passou por muitos traumas, que sempre foram transformados em coisas boas. Acho difícil que transforma [a descoberta de que Romero pertence à facção] em algo ruim. Mas com certeza vai ser a grande virada da novela quando isso acontecer”, declarou.

“Os Dez Mandamentos”

Marco Pigossi elogiou a novela “Os Dez Mandamentos”, que chegou a seu ápice com a abertura do Mar Vermelho no capítulo de terça-feira. A trama bíblica da Record tem vencido o “Jornal Nacional” e aumentado ainda mais a diferença contra a Globo no confronto com “A Regra do Jogo”.

“Eles [da Record] fazem um trabalho magnífico e a gente faz um trabalho magnífico”, disse. Apesar de reconhecer o mérito da Record, Pigossi disse que não teve curiosidade de ver a saga de Moisés. “Eu tenho que ver o meu trabalho, né? (risos)”, afirmou.

|

Comentários no Facebook