Slipknot e Faith No More são destaque em mais um dia dedicado às atrações pesadas no Rock In Rio

por

Slipknot

No último dia “com rock” dessa edição de 30 anos de Rock In Rio, o som pesado, em suas mais diferentes vertentes volta a dar as caras no festival. Hoje, quem encerra a noite no Palco Mundo é o Slipknot (acima) que em 2011 fez elogiado show no evento.

Dessa vez a banda famosa por suas máscaras, chega com canções novas – presentes no quinto trabalho deles lançado no ano passado – e dois novos integrantes, o baixista Alessandro Venturella e o baterista Jay Weinberg.

Faith No More

Antes do Slipknot que sobe ao palco principal são os veteranos do Faith No More (ao lado), retornando ao Rock in Rio quase 25 anos depois de terem feito uma das apresentações mais memoráveis da história do evento.

Mike Patton e cia. também chegam com músicas novas na bagagem para serem intercaladas com os sucessos e canções clássicas. Eles lançaram o ótimo “Sol Invictus” em maio deste ano, o primeiro disco de inéditas deles desde 1997 e tocarão algumas de suas canções no show.

De La Tierra

As duas primeiras atrações do Palco Mundo são igualmente interessantes e merecem toda a atenção. Quem abre os trabalhos é o De La Tierra (à esquerda), uma superbanda de músicos latinos que tem além de Andréas Kisser do Sepultura, o baterista do Maná Alex González, o baixista Sr. Flavio do Los Fabulosos Cadillacs e Andrés Giménez do A.N.I.M.A.L nos vocais. O grupo mostra que o heavy metal funciona muito bem quando cantado em espanhol.

Depois é hora de se preparar para outro show que tem grandes chances de ser um dos mais memoráveis de todo o festival. Há tempos que público e críticos pediam por uma apresentação do Mastodon por aqui.

Pois finalmente a hora de se conferir ao vivo uma das melhores e mais inteligente bandas do som pesado contemporâneo nos nossos palcos.

Palco Sunset

O show de abertura do Palco Sunset promete ser bastante divertida,afinal não é sempre que você tem o carismático (e muito talentoso) André Abujamra e outros músicos de primeira linha – todos com experiência na criação de trilhas sonoras cinematográficas – homenageando as músicas feitas para alguns dos maiores filmes de horror da história. Para completar, eles prometem mostrar também alguns clássicos do metal.

Divulgação
Steve Vai

Ainda na seara do rock pesado, mas em outra pegada, os portugueses do Moonspell se apresentam em seguida e mostram seu metal gótico para quem desafiou o calor e chegou cedo na Cidade do Rock.

O show terá a primeira participação de um integrante do Sepultura no dia, o vocalista Derrick Freen (lembrando que Andreas Kisser toca mais tarde com o De La Tierra).

Logo a seguir é a vez do Nightwish com a participação de Tony Kakko (do Sonata Arctica) levar seu metal sinfônico para o festival.

Mantendo o clima “erudito”, quem fecha o Palco Sunset é o guitarrista virtuose Steve Vai (ao lado) que se apresenta com a Camerata de Florianópolis em uma apresentação que promete ser uma das mais interessantes e tecnicamente perfeitas de todo o Rock In Rio.

Se ligue nas Notícias do Popzone para saber o que rola no Rock In Rio!

Você também vai curtir