Morre Coleen Gray, atriz de “O Grande Golpe”, de Kubrick, aos 92 anos

ReproduçãoColeen Gray e John Clay em cena de "O Grande Golpe", de Stanley Kubrick (1956)

por

Morre Coleen Gray, atriz de "O Grande Golpe", de Kubrick, aos 92 anos

Coleen Gray e John Clay em cena de “O Grande Golpe”, de Stanley Kubrick (1956)

A atriz Coleen Gray, conhecida por seu papel no filme “O Grande Golpe”, de Stanley Kubrick, morreu de causas naturais na última segunda-feira (3) em sua casa em Bel Air, Califórnia. Ela tinha 92 anos de idade.

“Minha última dama se foi. Sempre tive a sensação de que ela seria a última a ir”, disse Eddie Muller, fundador e presidente da Noir Film Foundation e amigo de Gray.

A atriz interpretou a cúmplice de do ladrão Sterling Hayden (Johnny Clay), o líder de uma gangue de ladrões, no filme de Kubrick. Foi nesse filme que ela disse sua famosa frase: “Eu posso não ser bonita nem esperta…”

Gray ainda apareceu em uma série de filmes nas décadas de 40 e 50, principalmente no chamado cinema noir, incluindo “O Beijo da Morte” (1947), de Henry Hathaway, “O Beco das Almas Perdidas” (1947), de Edmund Goulding, “Rio Vermelho” (1948), quando contracenou com John Wayne, “Os Quatro Desconhecidos” (1952), de Phil Karlson, e “Cassino da Morte” (1953), de Sidney Salkow.