Em tarde de autógrafo de Joelma, fãs criticam Chimbinha: “É um ogro”

Um dia após anunciar o fim da banda Calypso, Joelma recebeu os fãs para uma tarde de autógrafos em uma livraria em um shopping em São Paulo, nesta quarta-feira (26). Mais de 500 admiradores lotaram o espaço em busca de uma das 400 senhas distribuídas para chegar perto da cantora. No entanto, o sorriso no rosto de dezenas deles sumia quando o nome de Chimbinha era pronunciado.

por

Um dia após anunciar o fim da banda Calypso, Joelma recebeu os fãs para uma tarde de autógrafos em uma livraria em um shopping em São Paulo, nesta quarta-feira (26). Mais de 500 admiradores lotaram o espaço em busca de uma das 400 senhas distribuídas para chegar perto da cantora. No entanto, o sorriso no rosto de dezenas deles sumia quando o nome de Chimbinha era pronunciado.

A estudante Leia Alexandrino, de 24 anos, fez um discurso em tom de revolta ao falar do músico.

“O Chimbinha não passa de um músico dela, ela é a estrela. Nunca gostei muito dele e agora não gosto mais ainda, ele é muito frio, é um ogro. Quero que a Joelma faça carreira solo e arrase, mesmo se for gospel vamos todos para a igreja”, disse rindo.

A atendente Patrícia Saldanha, de 24 anos, acompanha a banda há 11 e também disse estar decepcionada com Chimbinha.

“Fiquei triste com a separação, não é fácil você acompanhar a banda por 11 anos e ver tudo indo por água abaixo. Até gosto do Chimbinha, mas depois de tudo, não sei mais se vou continuar gostando dele. Os fãs estão revoltados porque não é fácil ver a Joelma sofrendo, sofro junto com ela”.

A funcionária pública Ana Cristina, presidente do fã clube Estrela Dourada, do litoral de São Paulo, há treze anos, preferiu não opinar sobre a relação do casal, mas também disse estar triste com o fim da banda.

“A gente sabe que nada é eterno, tudo tem seu prazo, mas o fim da Calypso é uma notícia muito triste, pegou muita gente de surpresa, eu não esperava essa. Sou fã da Joelma e do Chimbinha artistas, o que acontece com o casal não é da conta dos fãs. Particularmente, apoio a decisão de serem felizes, juntos ou separados.

Desde às seis, fãs já circulavam pelos arredores do shopping esperando conseguir alguns segundos com a cantora. O estudante Mateus Oliveira, de 18 anos, deixou de ir à faculdade para conseguir chegar a tempo de pegar uma senha.

“Estou aqui desde antes das seis da manhã, consegui minha senha, mas um amigo que chegou mais tarde não conseguiu, vamos ficar aqui até o shopping fechar para ele tentar uma foto e um autógrafo também”, disse.

De acordo com a segurança da livraria, desde a abertura da loja fãs já se organizavam em fila para pegar seu autógrafo. Um esquema especial foi preparado para manter a organização e não prejudicar outros clientes.

Você também vai curtir