Diretor de “A Fazenda” não opinou sobre Justus: “Me informaram e gostei”

Reprodução/Instagram/robertoljustusRoberto Justus será o novo apresentador de "A Fazenda"

por
  • Reprodução/Instagram/robertoljustus

    Diretor de "A Fazenda" não opinou sobre Justus: "Me informaram e gostei"

    Roberto Justus será o novo apresentador de “A Fazenda”

Vigiados por câmeras 24 horas por dia durante três meses, 16 famosos – ou nem tanto – serão confinados em uma fazenda em Itu, no interior de São Paulo, para disputar um prêmio milionário. Embora a fórmula seja a mesma conhecida do público há seis anos, o diretor Rodrigo Carelli promete inovações na próxima temporada de “A Fazenda”, que já tem como principal novidade Roberto Justus no lugar que foi de Britto Jr.

Em entrevista ao Popzone, Carelli contou que não teve participação na escolha de Justus para comandar o reality, mas que foi consultado para dar sua opinião sobre a decisão já tomada. “Eu disse que achei que seria bacana, porque é um nome forte entre aqueles que temos internamente e tem a ver com esse universo de reality show. Ele tem experiência e entende dos meandros deste tipo de programa. A decisão já havia sido feita, me informaram e eu gostei”, declarou.

Diretor da versão brasileira do sueco “The Farm” desde a sua implementação na Record, em 2009, e responsável pela execução da primeira “Casa dos Artistas”, em 2001, reality de Silvio Santos que inaugurou no país o gênero inspirado no holandês ‘Big Brother’, Carelli disse que a transição de apresentadores está sendo realizada de maneira tranquila e minimizou em grau de importância a novidade, preferindo tratá-la como mais um elemento das mudanças de “A Fazenda 8”.

“Agora estamos com uma produtora independente e também teremos mudanças na mecânica do programa. Ele muda de cara a cada edição e nesta temporada o Roberto vai fazer parte desta mudança de cara”, completou.

Diretor de "A Fazenda" não opinou sobre Justus: "Me informaram e gostei" Antonio Chahestian e Edu Moraes/Record “Alguns participantes podem ter essa expectativa [de encontrar um Roberto Justus mais rígido], mas é uma percepção errada. Agora será outra coisa. O Roberto que vai apresentar ‘A Fazenda’ é o mesmo, mas com outra ‘pegada’. Se precisar ser duro, ele vai ser duro. Mas não é o padrão. Ele vai ser basicamente um condutor do jogo” Rodrigo Carelli, , diretor de “A Fazenda”

Diretor de "A Fazenda" não opinou sobre Justus: "Me informaram e gostei"

Em intensa preparação para a estreia, prevista 23 de setembro, Justus tem procurado se envolver em cada detalhe. O empenho do empresário é elogiado pelo diretor, que o orientou, por exemplo, a assistir à última edição: “Ele está muito interessado e disponível. Tivemos algumas reuniões e fizemos um workshop, para ele saber dos detalhes do que vai acontecer em cada dia. Ele está se colocando como parte da equipe e isso é importante”.

A restrição do contato físico será mantida na nova edição, com o apresentador interagindo com os peões em um local isolado da sede. Carelli acredita que Justus terá a oportunidade de acrescentar algo novo especialmente durante as votações, momentos ao vivo quando costumam render os bate-bocas mais efusivos. No entanto, ele diz que o apresentador carrasco, que era o terror de aspirantes a um cargo em algum de seus negócios, ficou no “Aprendiz”.

“Alguns participantes podem ter essa expectativa [de encontrar um Roberto Justus mais rígido], mas é uma percepção errada. Agora será outra coisa. O Roberto que vai apresentar ‘A Fazenda’ é o mesmo, mas com outra ‘pegada’. Será completamente diferente. Essa firmeza dele em ‘O Aprendiz’ era pedida pelo formato. Se precisar ser duro, ele vai ser duro. Mas não é o padrão. Ele vai ser basicamente um condutor do jogo”, destacou.

Novos peões: tipos “manjados” e surpreendentes
Os novos peões, que serão revelados apenas na estreia, foram escolhidos em uma seleção que durou cerca de quatro meses e terminou antes da ida de Justus para o programa. E, para conseguir um lugar em “A Fazenda”, o diretor garante que ser alguém conhecido é apenas um dos critérios.

Reprodução/Record

Diretor de "A Fazenda" não opinou sobre Justus: "Me informaram e gostei"

Andressa Urach foi uma das participantes mais polêmicas de todas as edições

Diretor de "A Fazenda" não opinou sobre Justus: "Me informaram e gostei" “Priorizamos muito a personalidade da pessoa. Às vezes, uma pessoa menos famosa tem uma personalidade perfeita para fazer parte daquele caldo de participantes. Procuramos fazer um mix, com pessoas de origens, histórias e jeitos de lidar com a vida diferentes entre si”, disse.

Os tipos “manjados”, como ex-paquita ou ex-panicat, estarão ao lado de outros que ainda não passaram pelo programa, garante o diretor: “Vamos trazer também alguns bem surpreendentes e estilos que ainda não tivemos”. Sem revelar nomes, ele apenas diz que ex-participantes não terão uma nova chance.

Carelli disse esperar por muita confusão, mas não menos do que histórias de amizade, emoção e conflitos. Questionado se quer ver uma repetição do festival de “cusparada”, que marcou a sexta temporada, ponderou: “Não necessariamente. A gente não tem expectativa de nenhum tipo específico de ação porque não há nada predeterminado. Temos um processo bem complexo de levantar essa produção para que tudo funcione de um jeito em que os participantes possam ser do jeito que realmente são”.

Você também vai curtir