Após dez anos sem fazer novelas, Eduardo Moscovis retorna em A Regra do Jogo

TV Globo/João Miguel JúniorApós dez anos sem fazer novelas, Eduardo Moscovis retorna em ?A Regra do Jogo? para viver um executivo de uma indústria farmacêutica

por

A Regra do Jogo

No final dos anos 90, Eduardo Moscovis era um dos galãs mais disputados pelos autores da TV Globo. De 1998 a 2005 foram cinco novelas, três delas – a última “Alma Gêmea” – como protagonista. Cansado da rotina de gravações, o ator decidiu ficar longe das grandes produções e fazer só seriados. Dez anos depois, Moscovis retorna em “A Regra do Jogo” para viver um executivo de uma indústria farmacêutica, mas que como todos os outros personagens da trama de João Emanuel Carneiro, tem algo a esconder.

“Orlando é um personagem diferente e bem instigante. Ele me fez querer voltar a fazer novela. Claro que trabalhar com Amora Mautner e João Emanuel Carneiro também pesou na minha decisão, mas só pelo personagem já valeria a pena”, disse o ator, sem revelar detalhes do caráter ambíguo do seu “mocinho”. “Eu estou sempre do lado do bem e o Orlando idem. É uma cara bom! Bandido? Membro de uma facção criminosa? Dizem essas coisas, né? Vamos deixar a novela estrear… Entregar de cara o jogo não é legal”, brincou o ator.

E nesse jogo de esconde-esconde sobre quem é realmente o personagem, existe a possibilidade também de Orlando ser um gay enrustido que mantém um amante garotão num apartamento em Copacabana. “Estou gravando os capítulos 23, 24 e até agora não tive essa informação. Foi uma coisa que surgiu e a gente não sabe de onde. Dentro do que eu recebi da sinopse ser ou não gay não interfere na trajetória dele”, contou Moscovis.

 

A Regra do Jogo

Moscovis conversa com Nero e o diretor Paulo Silvestrini antes de gravar cenas de Orlando

A Regra do Jogo   A ator mostrou-se bem disposto para enfrentar não só a rotina de gravações como as possíveis mudanças que seu personagem possa sofrer. “Uma novela tem em média 180 capítulos e são nove meses no ar. Cara que era bom pode ficar mau, cara que era sim vira não e o cara que era verde vira amarelo. Por atuar em uma obra aberta, a gente lida muito com a resposta do público. Se o diretor, a direção da casa e o autor da trama decidirem pegar outro caminho, independente do que for, a gente faz”.

Na trama, Orlando é amigo de adolescência de Romero (Alexandre Nero) e usa seu charme para conseguir se aproximar de Nelita (Bárbara Paz), a filha problemática do milionário Gibson (José Abreu). Essa aproximação é puro interesse na possibilidade dele se dar bem em sua carreira fracassada de cientista. Mas, o personagem de Eduardo Moscovis tem uma vida paralela: ele faz parte de uma facção criminosa e fica cada vez mais próximo do líder Tio (Jackson Antunes). A novela “A Regra do Jogo” estreia no dia 31 de agosto, às 21h.

Você também vai curtir