San Diego Comic-Con 2015 – Criador afirma que “Heroes: Reborn” será mais dramática do que a série original

Minissérie que retoma o universo de "Heroes, "Heroes: Reborn" será mais dramática do que a série original. Foi isso que prometeu o criador de ambas, Tim Kring, durante painel da Comic-Con de San Diego neste domingo (12).

por

KringMinissérie que retoma o universo de “Heroes, “Heroes: Reborn” será mais dramática do que a série original. Foi isso que prometeu o criador de ambas, Tim Kring, durante painel da Comic-Con de San Diego neste domingo (12).

Presente na mesa, Masi Oka, que reviverá seu personagem Hiro, afirmou que a nova produção dará uma conclusão para a história. “Deixamos Heroes meio inacabado, e agora é nossa chance de dar um ponto final para os fãs”.

Na trama, que se passa cinco anos após o final de “Heroes”, os heróis passam a ser perseguidos por seus poderes.

“A premissa básica é que como as pessoas sabem desses poderes, muda tudo. Antes, descobrir os poderes era algo quase místico. Mas agora, você acordar com poderes é algo ruim, porque você sabe que você será perseguido e condenado. É mais dramático”, afirmou.

A minissérie, que terá seu lançamento acompanhado por dois jogos e por seis e-books, deve revelar tudo o que aconteceu no intervalo entre as produções. “Há esse grande intervalo que vamos explorar. E esse universo que estamos construindo faz tudo isso. Mas tudo é mostrado em ‘Heroes'”, garantiu Tim.

Alguns personagens, como Noah Bennet (Jack Coleman) e Hiro (Masi Oka), retornaram para a produção, mas muitos outros ficaram de fora, mesmo que queridos do público. “Não queríamos trazer por trazer, era uma questão de seguir para onde a história estava levando. O principal nome do elenco anterior era Jack e Noah era um personagem que unia os outros, por isso foi importante trazê-lo”.

Noah, aliás, estará enfrentando alguns problemas. “Ele tem tentado ficar fora do radar, nos subúrbios. Ele tem um problema com a memória, e ele está tentando recuperá-la”, explicou Tim.

O vilão da trama será Luke, interpretado por Zachary Levi. “Luke acredita em usar a arma. Ele tem uma história complicada, vem de uma série de problemas com a mulher”, contou.

 

 

Você também vai curtir