TOPO

Zorra, da Globo, faz sátira com polêmica criada em comercial de O Boticário

por Redação / Publicado em domingo, 14 jun 2015 16:12 PM / / 616 views
  • Reprodução/TV GloboZorra, da Globo, faz sátira com polêmica criada em comercial de O Boticário

    Zorra, da Globo, faz sátira com polêmica criada em comercial de O Boticário

O novo “Zorra”, da Globo, promoveu na noite deste sábado (13) uma sátira em cima da polêmica criada pelo comercial do Dia dos Namorados de O Boticário, no qual exibe casais gays presenteando seus respectivos pares. Na esquete, um pai leva o filho até uma loja de perfumes e reclama com a funcionária dizendo que o tal perfume o levou a agarrar o seu motorista.

“Muito problemas. O primeiro deles é que o meu filho veio nessa maldita loja e comprou um maldito perfume”, reclamou o homem. “Alguma problema com a fragrância? Alguma reação alérgica?”, quis saber a funcionária. “Reação de ódio ao processo de homossexualização que vocês querem fazer com o país. São pervertidos. Querem acabar com a família. Nenhuma pessoa de bem pode comprar nessa loja. Hoje, de manhã, sem querer, usei o perfume do meu filho, que ele comprou nessa loja, olhei para o meu motorista, e me deu um tesão desgraçado. Aí eu te pergunto, como um pai de família, de 23 anos de casado, empresário, pode agarrar o motorista desse jeito? Esse perfume transforma um macho, como eu, em uma bicha desvairada”, encerrou.

Após 11 meses de reformulação, “Zorra”, da Globo, estreou o novo formato no dia 9 de maio fazendo piada com a concorrente Rede TV! e a idade da jornalista Glória Maria. A ideia da Globo é exatamente essa, o de promover esquetes rápidas, com uma pegada mais cotidiana, como a crítica à polêmica criada na propaganda de O Boticário.

O elenco do “Zorra” é formado por 45 atores, entre remanescentes do extinto modelo – casos de Fabiana Karla, Nelson Feitas, Talita Carauta, Rodrigo Sant’Anna e Mariana Santos, e os novos artistas, com destaque especial para a ex-“CQC”, Dani Calabresa. Vários tipos são interpretados por ela, desde a mãe de um menino tarado a uma policial da lei seca, ou a dona de uma cantina e a mulher de um delegado.

O comercial

O comercial gerou muita polêmica nas redes sociais, com críticas e ameaças de boicote à marca de cosméticos. O CONAR (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) informou que recebeu de 20 a 30 reclamações de consumidores e que, por isso abriria um processo para analisar o comercial de O Boticário.

Assista ao comercial

|

Comentários no Facebook