TOPO

Vilã de “Game of Thrones” usou dublê para cena de nudez e humilhação

por Redação / Publicado em quarta-feira, 17 jun 2015 11:20 AM / / 927 views
A atriz Lena Headey, a Cersei Lannister de “Game of Thrones”, contou que usou uma dublê de corpo na cena em que a Rainha é obrigada a caminhar nua por entre uma multidão de cidadãos revoltados.

A sequência foi ao ar no último domingo (14) no episódio que encerrou a quinta temporada da série. Depois de confessar ao Alto Pardal (Jonathan Pryce) ter traído o marido, o rei Robert Baratheon (Mark Addy), com o próprio primo, Lancel Lannister (Eugene Simon), Cersei teve os cabelos longos cortados e teve que andar nua enquanto era xingada de adúltera, mentirosa e meretriz pelos moradores de Porto Real.

À “EW”, Lena contou que a cena demorou três dias para ser filmada na cidade histórica de Dubrovnik, na Croácia. Apesar de nao ter ficado nua, ela repetiu o andar de Cersei diversas vezes enquanto ouvia obscenidades dos figurantes. Adepta de uma peruca loira na série, ela também não precisou cortar os próprios cabelos.

Lena disse que não foi difícil encontrar a emoção para interpretar o que Cersei estava sentindo ao ser humilhada. “Tem uma parte de você que está extremamente aterrorizada. Eu não consigo nem imaginar as pessoas querendo seu sangue. Cersei errou, mas ela não merece isso”, defendeu.

Chamada de Caminhada da Vergonha, a cena foi inspirada em um evento histórico, assim como outras tramas e personagens de “Game of Thrones”. Descrito no livro “A Dança dos Dragões”, o quinto da saga de George R. R. Martin, o castigo de Cersei foi baseado em um evento semelhante sofrido por Jane Shore, amante do Rei Eduardo IV da Inglaterra.

Também em entrevista à “EW”, o produtor da série David Benioff, que dirigiu a cena da caminhada, contou que eles precisaram mudar as locações já que o cenário originalmente escolhido envolvia os degraus de uma igreja. “Isso sempre acontece e dá mais trabalho para a equipe de locações, mas sempre acaba funcionando”, disse.

|