Banderas diz que está feliz com visual e critica machismo de Hollywood

por

anderas
Antonio Banderas está no Brasil

Aos 54 anos e na sua quarta visita ao Brasil, Antonio Banderas rejeita os rótulos de símbolo sexual ou latin lover, mas se diz anda satisfeito com a sua aparência. Em conversa com jornalistas no Rio de Janeiro, contou que já levou muitos foras das mulheres e criticou o machismo de Hollywood, que cobra delas beleza e juventude.

“Gosto do que vejo no espelho. Odiaria acordar de manhã e não me reconhecer mais, estar todo esticado. Nunca fiz nada e sou assim. Até saíram notícias de que eu viria para Brasil para fazer plásticas, mas é mentira” contou o espanhol, que aproveitou o assunto para criticar a indústria.

“É um meio muito machista e cruel principalmente para as mulheres. A vida útil de uma atriz chega ser de 15 anos, no máximo 20 anos, e isso é terrível. Eles estão sempre procurando carnes fresca. Eu ainda não senti nenhuma pressão porque envelheci, mas se isso acontecer estou preparado para aceitar”, entregou Banderas que está estudando design de moda. O ator quer ser estilista. “Gosto do estilo de Armani, Versace e Tommy Hilfiger. Estou aprendendo e tenho muito caminho a percorrer”, explicou Banderas que assume a preferência por sapatos. “Meu ponto fraco. Uso muito botas de estilo cawboy. Detesto sandálias”.

Conhecido mundialmente pela sensualidade, Banderas disse que encara as negativas das mulheres com naturalidade. “Recebi não de várias, e encaro isso como normal. Não me sinto assim com todo esse poder de sedução. Eu represento esse personagem que não sei de onde veio. Até me refiro em terceira pessoas às vezes. Quando estou nele, eu encaro isso com muito bom humor”, disse.

Você também vai curtir