Novo trailer de documentário mostra que Amy Winehouse só queria ser amada

O novo trailer do documentário "Amy", sobre a cantora Amy Winehouse mostra a relação que a cantora britância teve com Blake Fielder-Civil e que ela, apesar da estrondosa fama, era uma mulher que só queria ser amada. 

por

O novo trailer do documentário “Amy”, sobre a cantora Amy Winehouse mostra a relação que a cantora britância teve com Blake Fielder-Civil e que ela, apesar da estrondosa fama, era uma mulher que só queria ser amada.

Exibido fora da competição do Festival de Cannes, o polêmico documentário mostra a ascensão e queda de Amy Winehouse (1983-2011). Amy morreu de intoxicação alcoólica quase quatro anos atrás em sua casa em Londres, aos 27 anos, depois de lutar contra a bebida e as drogas durante boa parte da carreira.

Dirigido pelo britânico Asif Kapadia (de “Senna”) e com trilha sonora do brasileiro Antonio Pinto, o filme entra na intimidade de Amy, com foco no lado musical e também em seu vício em drogas.

A edição final causou controvérsia entre a família da cantora por mostrar o pai dela, Mitch, como uma figura ausente durante a infância, que volta a se aproximar da filha apenas após o sucesso, negligenciando o vício de Amy.