TOPO

Betti diz que sociólogo Roberto da Matta o agrediu por causa de papel gay

por Christian Simon / Publicado em segunda-feira, 04 maio 2015 12:34 PM / / 685 views
  • Divulgação/TV popzone

    Paulo_Betti_Divulgacao_670
    Paulo Betti como o personagem Téo, na novela “Império”

Em um desabafo, Paulo Betti disse em sua conta do Facebook, no domingo (3), que foi agredido verbalmente pelo sociólogo Roberto da Matta por ter interpretado o personagem homossexual Teo Pereira na novela “Império”.

O ator disse que revelou a suposta agressão quando foi questionado, por uma ouvinte em um programa de rádio, sobre a repercussão de seu papel no folhetim de Aguinaldo Silva.

“Perguntado por uma ouvinte num programa da MPB FM se fui agredido por ter feito o personagem gay Teo Pereira, na novela Império, de Aguinaldo Silva, eu já me preparava para responder que não, tal a quantidade de carinho que recebo pelas ruas, quando me lembrei de um fato recente e não pude mentir pra ouvinte que me perguntou e para os ouvintes e disse no ar: fui agredido sim, verbalmente e com muita violência, pelo famoso sociólogo Roberto da Mata, professor e escritor, que na frente da própria esposa, me falou barbaridades contra personagens gays em novelas”, escreveu.

Betti terminou o depoimento dizendo se manifestando contra a homofobia: “Não direi as palavras pronunciadas em respeito aos meus amigos do Facebook, mas faço esse breve depoimento em nome da verdade e do respeito que os gays merecem. Contra a homofobia e sabendo mais sobre Roberto da Matta”.

Em resposta a uma seguidora, que saiu em defesa do sociólogo, o ator lançou uma pergunta: “Por que pessoas extraordinárias não podem ser preconceituosas?”.
Outra internauta criticou a atitude de Betti, de se manifestar publicamente em vez de recorrer à Justiça.  “Não acho que seja caso de processar, é apenas uma revelação de um comportamento. fiz o que achava que devia ter feito. só isso”, escreveu.
|

Comentários no Facebook