TOPO

Acusado de roubo, ator preso por engano faz campanha em defesa da igualdade

por Redação / Publicado em terça-feira, 05 maio 2015 13:19 PM / / 505 views
  • Reprodução

    Acusado de roubo, ator preso por engano faz campanha em defesa da igualdade

    O ator Vinícius Romão participa da campanha “Diga Sim aos Direitos Humanos no Brasil”

O ator Vinícius Romão, preso por engano em fevereiro de 2014 acusado de roubo, participa da campanha “Diga Sim aos Direitos Humanos no Brasil”, do Fundo Brasil de Direitos Humanos. Junto com as atrizes Letícia Sabatella e Jéssica Ellen, ele gravou um vídeo em que fala sobre a importância da igualdade, que as pessoas são diferentes umas das outras e que não podem ser discriminadas por causa de suas características individuais.

“Em algum momento, a vítima pode ser você”, declara Vinícius. O ator foi preso por engano no Rio de Janeiro acusado injustamente de roubar e agredir uma mulher, que confusa, o reconheceu como sendo o bandido, mas depois admitiu o engano. Passou 16 dias numa casa de detenção em São Gonçalo, na região metropolitana do estado.

“Tem muitos Vinícius lá dentro”, afirmou o ator ao deixar a prisão, que provocou manifestações de protestos e chamou a atenção para a discriminação sofrida diariamente por negros no Brasil.

A campanha do Fundo Brasil tem o objetivo de engajar pessoas na defesa de causas sociais. Vídeos divulgados na internet abordam temas como direitos da criança, violência contra a mulher, tráfico de pessoas e enfrentamento ao trabalho escravo.

Na época, o ator Vinícius Romão garantiu que perdoa a copeira Dalva Maria da Costa Dantas, que o acusou de assalto. “Ela cometeu um erro. Pode acontecer com qualquer pessoa. Eu perdoo ela. Que Deus a ilumine. Que tudo dê certo na vida dela”, afirmou Vinícius.

|