TOPO

Sérgio Marone comemora sucesso em “Os Dez Mandamentos”, após 4 anos fora da TV

por Redação / Publicado em segunda-feira, 20 abr 2015 14:57 PM / / 2624 views
  • Reprodução/Instagram/sergiomarone

    Os Dez Mandamentos

    Sérgio Marone na pele de Ramsés II, personagem de “Os Dez Mandamentos”

Fora dos folhetins há quatro anos, Sérgio Marone interpreta o guerreiro egípcio Ramsés e comemora a repercussão de “Os Dez Mandamentos”, primeira trama bíblica da televisão brasileira.

“É a minha primeira novela fora da TV Globo, com todo esse sucesso. Estou orgulhoso de fazer parte de um produto assim, que está até incomodando. Isso é sensacional para todo mundo, claro, menos para líder de audiência [Globo]”, afirmou Marone, que tem gravado em média 14 horas por dia.

A trama de Vivian Oliveira, com direção de Alexandre Avancini, tem alcançado 14 pontos no Ibope no Rio de Janeiro e 13 na Grande São Paulo, empatando com o SBT em segundo lugar. Produto de maior audiência da emissora de Edir Macedo, o folhetim tem importunado inclusive a Globo, que na última semana dividiu em duas partes a exibição de “Alto Astral”.

“Temos que torcer para ter um mercado cada vez mais amplo, com menos monopólio. Dividir melhor essa fatia. Fazer isso com um produto bom, de qualidade, é o que me dá mais orgulho. Não é audiência pela audiência. É um texto bom, uma história bem-executada”, disse o ator.

Os Dez Mandamentos Reprodução/Instagram/victorpecoraro Com o vilão você consegue colorir melhor. Eles são mais multifacetados que os mocinhos. E os vilões se passam por mocinhos quando querem algo. Acho mais interessante. Faço melhor o vilão do que o mocinho diz Sérgio Marone (à esq.)

Os Dez Mandamentos

Para encarnar seu quarto vilão, Marone assistiu a filmes, documentários e séries. “Vi muito ‘Game of Thrones’, que tem um universo muito próximo ao clima da novela. Vai muito além de uma trama bíblica. Fala da disputa pelo poder, da disputa de dois homens pelo amor da mesma mulher, das intrigas palacianas. Gente que nunca viu novela da Record está vendo ‘Os Dez Mandamentos'”, afirmou.

“Não cheguei a ler a Bíblia porque não achei necessário, mas li ‘Ramsés: O filho da Luz’, que foi fundamental. Me colocou muito no clima e consegui entender aquela tensão da época. Estar no poder é algo muito solitário”, completou.

Dedicado ao teatro nos últimos tempos, Sérgio falou sobre a grandeza de seu antagonista. “É um personagem rico, forte, multifacetado. Consigo brincar com os vários desenhos dele. Nunca tive um personagem tão grande assim na minha carreira, é um desafio”.

“Com o vilão você consegue colorir melhor, se diverte mais. Eles são mais multifacetados que os mocinhos. E os vilões se passam por mocinhos quando querem conseguir algo. Acho mais interessante. Faço melhor o vilão do que o mocinho”, analisou.

Musculoso e mais bronzeado, Sergio tem seguido uma dieta com suplementos e proteína manipulada pós-treino, com o acompanhamento de um endocrinologista, além de treino funcional. “Aos 34 estou no auge da minha forma física”, afirmou ele, que diz ter o costume de ficar sem roupa em casa.

Sobre os próximos capítulos, Marone adianta que Ramsés terá grandes perdas, o que irá moldá-lo para se tornar um terrível faraó. “Ele vai mostrar bastante humanidade. Ele vai ter grandes perdas, a começar pelo Moisés (Guilherme Winter), que sairá do palácio em busca de suas origens. Logo depois, Nefertari (Camila Rodrigues) também irá embora do palácio. Ele conseguirá uma pretendente para se casar, mas Yunet (Adriana Garambone) dará um jeito de se livrar dela. E também terá a morte do pai”.

Assim que Seti I (Zecarlos Machado) se for, Ramsés mostrará a que veio em “Os Dez Mandamentos”. “Quando ele se tornar faraó, será um capetinha”, avisou o ator.

|