TOPO
Sem categoria

Rússia bane lançamento de filme americano sobre crimes na União Soviética

por Bibi Toledo / Publicado em quarta-feira, 15 abr 2015 14:59 PM / / 455 views

Rússia bane lançamento de filme americano sobre crimes na União Soviética

Gary Oldman e Tom Hardy em cena de “Crimes Ocultos”

A Rússia proibiu o lançamento de um novo filme hollywoodiano apenas um dia antes de sua estreia nos cinemas do país.

“Crimes Ocultos”, dirigido por Daniel Espinosa, é um thriller de mistério sobre um policial soviético que investiga uma série de assassinatos de crianças em 1953. O filme é protagonizado por Tom Hardy e Gary Oldman e adaptado de “Child 44”, obra de Tom Rob Smith. No Brasil, o longa tem estreia prevista para 21 de maio.

O ministro da Cultura da Rússia, Vladimir Medinsky, justificou a decisão em conjunto com o distribuidor do filme no país, Central Partnership, alegando reclamações a respeito da “distorção dos fatos históricos e interpretação intencional dos eventos, bem como imagens e personagens de cidadãos soviéticos”.

De acordo com a agência de notícias AP, o ministério afirmou, em um comunicado, que é “inadmissível” lançar o filme na Rússia no período de preparação para as celebrações em maio, que marcam os 70 anos da vitória sobre a Alemanha nazista.

O ministro ainda citou “O Senhor dos Anéis” ao dizer que a União Soviética foi retratada como Mordor, a “terra negra” da obra de  J. R. R. Tolkien: “povoado física e moralmente por sub-humanos defeituosos, um banho de sangue na tela envolvendo Orcs e vampiros”.

“É assim que o nosso país é mostrado, o país que acaba de ganhar uma grande guerra, se tornar um líder global e estava perto de lançar o primeiro ser humano no espaço”, disse Medinsky em um comunicado.

Ele acrescentou que os russos devem parar de adotar “clichês selvagens” de sua história usados no Ocidente e sentir orgulho de si mesmos como “sucessores da grande e única civilização russa.”

|