“Quis abandonar a vida”, conta Netinho após ter depressão e deixar de comer

Reprodução/FacebookGugu esteve na casa de Netinho em Guarajuba, na Bahia, para uma entrevista exclusiva

por

"Quis abandonar a vida", conta Netinho após ter depressão e deixar de comer

Gugu esteve na casa de Netinho em Guarajuba, na Bahia, para uma entrevista exclusiva

Netinho abriu o coração em entrevista ao programa “Gugu” desta quarta-feira (15) sobre os dois anos de pausa forçada para tratar um inicial problema no fígado, que por conta de complicações, causaram três acidentes vascular cerebral (AVC) no cantor. Durante o papo, Netinho revelou que teve uma forte depressão quando saiu do hospital e que pensou em morte quando não conseguia movimentar sua cabeça direito por conta de fortes tonturas, causadas pelas delicadas cirurgia no cérebro que foi submetido.

“A previsão para minha tontura passar era em julho de 2014, como havia essa previsão, eu montei um show, mesmo tonto, e me programei para voltar em setembro para a estrada. Como a tontura não passava, fiquei triste, levantava, assistia TV e ia dormir. Depois parei de comer e sentir fome, só bebia água, fiquei três dias sem comer e me convidaram para ir para o Sírio Libanês de São Paulo. Como não quis ir, levaram um psiquiatra lá em casa, que me deu uma injeção e, quando dei por mim, já estava no hospital. Eu chorava por qualquer coisa”, contou ele, que completou: “Quis abandonar a vida”.

O artista disse que a visita de Ivete Sangalo quando ele estava internado no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, foi uma das que mais lhe deixou feliz e emocionado.

“Minha amiga querida foi lá com a maior bondade e caridade, me divertiu. Quando ela saiu de lá, fiquei tão agitado que tive outro AVC. Ivete Sangalo é o que ela é na televisão, ela chorou junto comigo, contou piadas, foi uma delícia”, lembrou.

“Claudinha Leitte é outra queridíssima, ela fez uma oração tão forte no meu quarto, começou a rezar tão alto e forte que fiquei encantado, foi outra visita linda. Padre Marcelo Rossi me deu uma energia tão leve que foi maravilhoso”.

Mais maduro, o cantor disse que tudo o que passou foi uma experiência que o fez enxergar a vida de uma forma diferente e a ter fé. Netinho está escrevendo um livro para narrar sua experiência.

“Aprendi muito nesses últimos anos, tive que parar minha carreira toda. Estou há mais de um ano tentando entender tudo. Agora que estou começando a digerir tudo de uma forma positiva”.

Em 2013, Netinho foi submetido a uma cirurgia em decorrência de complicações hepáticas, causadas pelo uso de anabolizantes, e precisou passar quatro meses internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Em 2014, ele foi novamente internado para tratar a depressão e ficou seis meses no hospital.

Você também vai curtir