Internautas ficam irritados com falação de Jô durante entrevista com Fábio Assunção

Diretor da peça “Dias de Vinho e Rosas”, que está em cartaz em São Paulo, Fabio Assunção foi dos entrevistados do “Programa do Jô” desta sexta-feira (17). Após o ator começar a explicar o enredo da peça, que conta a história de um casal que tem problemas por causa do alcoolismo, Jô deu a sua opinião sobre a dependência química.

por
 img-438455-fabio-assuncao-participa-do-programa-do-jo

Diretor da peça “Dias de Vinho e Rosas”, que está em cartaz em São Paulo, Fabio Assunção foi dos entrevistados do “Programa do Jô” desta sexta-feira (17). Após o ator começar a explicar o enredo da peça, que conta a história de um casal que tem problemas por causa do alcoolismo, Jô deu a sua opinião sobre a dependência química.

“Você sabe que o gordo também é  dependente, mas é um dependente solido . Eu não posso comer um pedaço de bolo, eu como o bolo inteiro. No teu caso é uma vitória dupla, porque você tem a oportunidade de tratar esse assunto tendo vivido isso. Tem alguns momentos que o bêbado é engraçado, mas são raros os momentos. O alcoólatra nunca acha que é, o primeiro passo ´´e ele reconhecer que é. A sociedade custa a aceitar”, disse Jô.

Ao ouvir a explicação de Jô, Fabio Assunção, que foi ex-dependente químico, concordou com o apresentador. “Tem muita gente que já viveu por isso e hoje vive normalmente. Pra mim foi muito bom, eu tinha dificuldade em abordar o tema, e a peça me fez abrir a possibilidade de falar sobre isso”, disse.

Em seguida, Jô continuou dando sua opinião sobre o assunto . “O fato de você ser uma pessoa famosa ajuda e atrapalha, existe um controle maior do que uma pessoa desconhecida. Você pode se considerar um vitorioso nessa luta. O começo da história é muito engraçado, o importante é a mensagem que ela passa”, disse.

No Twitter, Jô foi criticado pela forma que conduziu a entrevista. “Acho o Jô um cara inteligente e cheio de boas histórias pra contar, uma memória brilhante. Mas na entrevista com Fábio Assunção, só ele falou”, escreveu a jornalista Luciana Liveiro. “O Jô que está sendo entrevistado pelo Fábio Assunção?”, ironizou outro internauta.

 

Acho o Jô um cara inteligente e cheio de boas histórias pra contar, uma memória brilhante. Mas na entrevista c Fábio Assunção, só ele falou!

— Luciana Liviero (@LuLiviero) 18 abril 2015

O Jô que ta sendo entrevistado pelo Fabio Assunção?

— renata (@re_bia_) 18 abril 2015

@leoazzali @luliviero Pior do que não deixar falar é encerrar a entrevista após três ou quatro perguntas. E ele é mestre nisso.

— Evandro Barbosa (@e_barbosa) 18 abril 2015

Você também vai curtir